Gerencia de projetos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 17 (4163 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Fundação Getúlio Vargas

Fundamentos de Gerenciamento de Projeto

Tema: Escopo

Professor: Hélio Rodrigues Costa

Turma 40 (Botafogo/RJ) Grupo VII:
• Adriana Boueri Miranda Pessoa
• Alex Pais Zennaro
• Ary Oliveira de Menezes Neto
• Eduardo Manuel dos Reis Lopes
• Fernando Pedra Assunção
• Gilcinea Rangel Pesenti
• Rosemberg França de Andrade

Sumário1 Introdução 3
2 Definição de Escopo 4
2.1 Introdução 4
2.2 Diferença entre Escopo do Projeto e Escopo do Produto 4
2.3 Escopo do Projeto e seus Processos 5
3 Processos do Gerenciamento de Escopo 6
3.1 Processo de Planejamento do Escopo 6
3.2 Processo de Definição do Escopo 6
3.3 Processo de Criação da Estrutura Analítica do Projeto 7
3.4 Processo de Verificação doEscopo 9
3.5 Processo de Controle do Escopo 10
4 Conclusões 13
5 Bibliografia 13

Introdução

A sociedade pós-industrial que se estabeleceu nos dias atuais vem quebrando vários paradigmas que se formaram ao longo dos anos. Segundo o sociólogo De Masi (2000), todo trabalho repetitivo, seja ele intelectual ou manual, é delegado para equipamentos, portanto a riqueza está na criatividade.

Acriatividade, que é a capacidade de pensar e inovar, pode se materializar em diversas dimensões, sobretudo nos projetos, que são empreendimentos que apresentam como resultado um produto único. Esta habilidade é uma das que fundamentam algumas das importantes características dos Gerentes de Projetos.

Aliado às habilidades, também surgiram as técnicas. Em seu artigo “The Principles of ScientificManagement”, Taylor (1911) buscou provar que princípios de gerenciamento científico são aplicáveis a qualquer atividade humana e que sua aplicação correta traz resultados positivos.

Em 1969 foi fundado um Instituto de Gerenciamento de Projetos (PMI) por 5 indivíduos visionários, que reconheciam o valor do compartilhamento das informações e discussões sobre problemas comuns. Em 1996 foi reunidoum subconjunto do Conjunto de Conhecimentos em Gerenciamento de Projetos chamado de PMBOK.

O Gerenciamento de Projeto, fundamental para atender as demandas de eficiência e eficácia das estratégias de negócios nas empresas, é a aplicação das habilidades técnicas e do conhecimento para projetar atividades com o objetivo de atingir ou exceder as necessidades e expectativas das partes envolvidas.Este trabalho visa abordar, à luz do PMBOK, apenas 1 das 9 áreas de conhecimento do Gerenciamento de Projeto, que é o Gerenciamento de Escopo.

Definição de Escopo

1 Introdução

O escopo refere-se à definição dos limites entre determinadas atividades, contratos, atribuições e responsabilidades, estabelecendo onde termina um trabalho e começa o outro. O escopo deverá ser gerenciado peloplanejamento, pela integração entre os conjuntos de atividades e documentação dos itens que passam, através das interfaces, de uma área para outra.

A maior parte da gerência do escopo é feita através da coordenação diária e de reuniões periódicas. Outros controles de escopo incluem o uso de procedimentos formais, formulários e sistemas de acompanhamento.

O Gerenciamento do Escopo trataprincipalmente da definição e controle do que está e do que não está incluso no projeto. Ele engloba os processos requeridos para assegurar que o projeto incluirá todas as atividades necessárias, e somente as necessárias, para que seja concluído com sucesso.

2 Diferença entre Escopo do Projeto e Escopo do Produto

De acordo com o dicionário da língua portuguesa Aurélio, o termo “escopo” significaalvo, intenção, mas quando relacionado com “projeto” e com “produto”, passa a ter duas definições, que precisam ser bem entendidas antes do início de qualquer projeto. As diferenças entre elas são bastante sutis e necessitam de um melhor entendimento.

Escopo do projeto é mensurado contra o plano de projeto, enquanto que o escopo do produto é mensurado contra os requisitos do produto. Ambos...
tracking img