Geopolitica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2421 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1) Quais os principais autores e suas ideias sobre o poder terrestre?
O geógrafo britânico Halford Mackinder, em 1904 profere sua conferência intitulada "The Geographical Pivot of History". Embora não tenha utilizado a expressão geopolítica, “Mackinder construiu toda uma teoria que tem na geoestratégia a chave para hegemonia mundial”, afirmou Vesentini (2004, p.18).
Segundo sua teoria ocontrole do mundo ensejaria domínio sobre determinado espaço terrestre no coração do Velho Mundo, o que ele chamou de ilha mundial, e dentro dessa ilha havia uma área central localizada entre a Europa e a Ásia e nela a região geoestratégica ou heartland, que corresponde a Europa Oriental, permitindo a disseminação do poder daquele que a detivesse.
Para Mackinder "quem controla a hertland [terra-coração]domina a pivot área e quem domina a pivot área controla a "ilha mundial", e quem controla a "ilha mundial" domina o mundo." (Mackinder, H. apud Vesentini, J. loc. Cit).
A teoria de Mackinder nada mais é que um estudo estratégico com vistas a proteger a Inglaterra que deveria criar um isolamento entre a Rússia e a Alemanha, impedindo uma aliança entre as duas, evitando um possível colapso noequilíbrio europeu.

2) Quais os principais autores e ideias sobre poder marítimo?
o almirante norte-americano Alfred Mahan é considerado um dos precursores da geopolítica, apesar de nunca ter utilizado o termo. Na sua célebre obra "A influência do poder marítimo sobre a história", publicado em 1890, o autor descreve como o uso estratégico do poderio naval e seu controle seriam determinantespara hegemonia mundial, pois significa o controle das vias por onde circulam os fluxos comerciais. Controlar o poder naval era a chave para o Estado que almejasse ascender à potência mundial.
Os EUA concretizaram as idéias de Mahan, pois construíram bases navais fora dos EUA, construíram o canal do Panamá e, principalmente, transformaram sua marinha na mais poderosa do mundo. Segundo Mello (1999,p.218-219), “(...) em 1982, a frota estadunidense detinha 50% do poder total de combate naval no mundo (...). A partir de 1991, a hegemonia oceânica americana tornou-se virtualmente um monopólio, em decorrência do colapso da União Soviética e da partilha da frota do mar Negro entre a Rússia e a Ucrânia (...)”.
Mahan inaugura a idéia de que o poder marítimo é o pilar que sustenta os estudos dageopolítica clássica.
Nicholas Spykman, "adepto do realismo em Relações Internacionais e da intervenção em política externa americana" (Mello, 1990, p. 94), participou dos debates no período entre-guerras sobre o posicionamento dos EUA, se deveriam adotar uma postura isolacionista ou intervencionista em política externa e apresentou sua teoria sobre o rimland.
Rimland é o termo utilizado paradefinir as regiões costeiras ou fímbrias marítimas, que contornam a Eurásia, servindo como área tampão entre o poder marítimo e terrestre. Spykman coloca em xeque esta dicotomia entre continentalismo e oceanismo, dizendo que as bases de luta ora eram entre algumas nações do rimland, ora numa aliança entre Inglaterra e Rússia contra uma terceira nação, ora uma luta entre elas, tentando dominar ocontinente europeu, como bem prova a 2ª Guerra Mundial.
Não somente adepto as idéias de Hobbes, Spykman encontra em Maquiavel a justificativa para disputa de poder entre os Estados, através da manutenção de seu território e expansão de poder. De acordo com Mello (1990, p.95),
O sistema internacional é visto pelo realismo de Spykman como essencialmente anárquico e potencialmente belicoso, semelhante ao"estado de natureza" hobbesiano. Este sistema padece da ausência de um governo centralizado em termos mundiais e nele a força é exercida sob um regime de livre-concorrência pelos únicos atores que realmente contam nas relações internacionais: os Estados Nacionais.
 Neste sentido para controlar e se expandir os EUA deveriam atacar na linha de frente do Atlântico e do Pacífico avançando sobre a...
tracking img