Geografia do neoliberalismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1188 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADES INTEGRADAS “ESPÍRITA”
DEYSI GUERREIRO

GEOGRAFIA DO NEOLIBERALISMO

CURITIBA
2012
A concepção de Dobb

Dobb comenta concepções a respeito do feudalismo. A mais tradicional classificada como Jurídico-Política, tem duas características principais: a atomização do poder e a importância das relações vassálicas.
Dobb aborda o feudalismo como um modo de produção, cujaarticulação fundamental é a garantia pelas relações de servidão. O ponto crucial é que o produto direto detém a posse dos meios de produção e das condições necessárias à realização do trabalho, o que possibilita a produção de seus meios de subsistência. Nessas condições ele empreende suas atividades como produtor interdependente, mas não livre, pois a relação de propriedade afirma-se como relação direta entresenhor e servo. Essa perspectiva permite diferenciar o modo de produção feudal tanto do escravismo quanto do capitalismo: o escravo é propriedade do dominador e defronta-se com condições de trabalho que não lhe pertence. O proletário encontra-se em uma situação semelhante: por não ter acesso direto aos meios de produção, ele não pode prover seus meios de subsistência, mas é fundamentalmentelivre.
Ao caracterizar um modo de produção devemos levar em conta vários elementos importantes, tais como a forma de propriedade dos meios de produção e as relações sociais estabelecidas entre os homens as quais derivam suas conexões com o processo de produção. No interior de todo meio de produção existe uma complexa mistura de elementos de períodos anteriores e novas relações que podem coexistirparalelamente, estabelecendo ou não relações de influência mutua.
Dobb diz que a gênese de um novo modo de produção não deve ser demarcada na primeira aparição dessa forma, mas a partir do momento em que adquire tal importância a ponto de modular toda sociedade.
De significado maior será quando a nova forma tenha atingido proporções que lhe permite imprimir sua marca no todo da sociedade eexercer uma influência principal na modelagem de tendência de desenvolvimento, as novas formas e novas relações dominante gradativamente perde o poder.
Tanto na formação de seu método de análise quanto na sua investigação sobre o declínio do feudalismo podemos perceber que Dobb rejeita o procedimento adotado por Sweezy. É inegável que as foças externas podem exercer influência decisiva em um processode revolução social, mas as contradições internas inerentes ao modo de produção em transformação sempre desempenham o papel principal.
Os modos de produção não se encontram em sua forma pura, mas contam com uma complexa mistura de elementos diversos que se relacionam. Qualquer modo de produção se desenvolve de acordo com suas contradições internas, sendo essas que determinam os efeitosexercidos pelos demais aspectos que podem influir na reprodução da sociedade.
Dessa maneira Dobb reitera a sua tendência em identificar feudalismo com servidão, pois concebe esse tipo de relação com a relação de produção básica do sistema feudal: os laços servis garantem a transferência do excedente dos produtores diretos às camadas dominantes, ou seja, articula de forma coerciva a classe dominante aclasse dominada.
A conclusão a que se pode chegar é que, na explicação de Dobb, a base de toda a estrutura social e das relações feudais é determinada pelo modo como se encontram distribuídos os de produção e a forma da expropriação do excedente da classe dominante.
De acordo com Dobb, a comutação das prestações em trabalho por prestações em dinheiro, por exemplo, não implica uma alteraçãoessencial nas relações entre servos e senhores. Nesse caso em particular só ocorre uma alteração na forma com que o excedente se apresenta, e não uma modificação na relação em si, e isso é o mesmo que dizer que o mecanismo de excedente se apresenta, e não uma modificação na relação em si, e isso é o mesmo que dizer que o mecanismo de excedente se materializa: a exploração permanece baseada no...
tracking img