Geografia da amazonia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1171 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
-------------------------------------------------
Manicoré

Município de Manicoré |

Vista aérea de Manicoré. |
| |
| |
|
|
| |
Gentílico | manicoreense |
Prefeito(a) | Lúcio Flávio do Rosário (PSD)
(2013–2016) |
Localização |
Localização de Manicoré no AmazonasLocalização de Manicoré no Brasil |
05° 48' 32" S 61° 18' 00" O |
Unidade federativa |  Amazonas|
Mesorregião | Sul Amazonense IBGE/2008[1] |
Microrregião | Madeira IBGE/2008[1] |
Municípios limítrofes | Humaitá, Novo Aripuanã, Borba,Tapauá, Beruri e o estado do Mato Grosso. |
Distância até a capital | 390 km |
Características geográficas |
Área | 48 282,478 km² [2] |
População | 48 373 hab. IBGE/2012[3] |
Densidade | 1 hab./km² |
Clima | Equatorial Am |
Fuso horário |UTC−4 |
Indicadores |
IDH | 0,621 médio PNUD/2000[4] |
PIB | R$ 215 296,855 mil IBGE/2008[5] |
PIB per capita | R$ 4 680,77 IBGE/2008[5] |
Página oficial |

Manicoré é um município brasileiro do interior do estado do Amazonas. Pertencente à mesorregião do Sul Amazonense e microrregião do Madeira, sua população estimada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) erade 48 373 habitantes em 2012. Localizado nas margens do rio Madeira, a cidade possui uma posição estratégica entre Manaus e Porto Velho.

-------------------------------------------------
Etimologia
A origem da denominação de "Manicoré" provém do rio Manicoré, um dos afluentes do rio Madeira. Já o rio Manicoré origina-se da palavra Anicoré, uma das tribos indígenas que habitavam a região à época dacolonização.

-------------------------------------------------
História
As origens de Manicoré remontam a 1637, com a expedição de Pedro Teixeira, um explorador e militar português.
As autoridades do Grão-Pará enviaram ao rio Madeira uma escolta, em 1716, comandada por João de Barros e Guerra, experiente capitão, com a finalidade de punir os nativos. Em 1797, funda-se povoação do Crato, sobordens do Governador do Grão-Pará, tendo em vista facilitar as transações comerciais entre Pará, Mato Grosso e Goiás. A povoação é transferida para um sítio entre os rios Baetas e Arraias, em 1802.
Em 4 de julho de 1858, através da Lei nº. 96, cria-se a freguesia de São João Batista do Crato. Dez anos depois, em 6 de julho de 1868, a sede de freguesia é transferida para o povoado de Manicoré,Por força da Lei nº. 177, passando a denominar-se Nossa Senhora das Dores de Manicoré. Somente em 4 de julho de 1877 Manicoré é elevado à categoria de Vila e é criado o Termo Judiciário, pela Lei nº. 362.
No ano seguinte, em 1878, é sancionada a Lei nº. 386, que faz de Manicoré a sede da Comarca do Rio Madeira. Em 12 de dezembro de 1881, dá-se a instalação da comarca. A partir de então, Manicorépassou a receber intensa migração de nordestinos, fugidos principalmente da Grande Seca de 1877-1878 e atraídos também pelo Ciclo da Borracha, que teve lugar no Amazonas e em regiões do estado do Acre. Por sua localização geográfica privilegiada, Manicoré era passagem dos migrantes que se destinavam ao Acre. Recebeu foros de cidade em 15 de maio de 1896, pela Lei nº. 137.

História recente
ALei estadual nº. 96, de 19 de dezembro de 1955, desmembrou parte do território de Manicoré para formar o município de Novo Aripuanã. Em 10 de dezembro de 1981, através da Emenda Constitucional nº 12, outra parte de seu território é desmembrado, para criar o então município de Auxiliadora. Entretanto, o município de Auxiliadora nunca foi instalado, e seu antigo território foi englobado novamente pelomunicípio de Manicoré.

-------------------------------------------------
Geografia
Sua população estimada em 2010 pelo IBGE era de 47 011 habitantes. Localiza-se a 333 km da capital do estado à margem direita do rio Madeira, sua população está dividida entre a zona rural a e cidade.
Clima
Segundo dados do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), a temperatura mínima registrada em...
tracking img