gastronomia Hospitalar

Páginas: 17 (4012 palavras) Publicado: 29 de setembro de 2015
1 INTRODUÇÃO


Uma das necessidades encontradas nos hospitais é a melhoria do atendimento de nutrição e dietética, por se tratar de parte fundamental no tratamento de pacientes hospitalizados. Sabe – se que o tratamento nutricional interage com a melhora do estado físico do paciente, portanto oferecer uma alimentação prazerosa e saudável é um meio de tornar a estada no hospital mais agradável.A gastronomia deve se tornar uma ferramenta de satisfação dos pacientes, pois aliada às técnicas nutricionais, apresenta alternativas de mudança da visão de que comida de hospital é pouco atrativa, e por isso não desperta a vontade do paciente em se alimentar. A gastronomia hospitalar busca na clássica oferecer uma alimentação saudável, nutritiva e com agradáveis Características sensoriais,objetivando suprir as necessidades nutricionais e a satisfação dos pacientes ao mesmo tempo.




















2 REVISÃO DE LITERATURA


Nutrição

Segundo a Organização Mundial de Saúde, nutrição é o processo em que os seres vivos recebem e utilizam as substâncias necessárias à manutenção da vida, ao crescimento, ao funcionamento normal dos órgãos e à produção de energia.
Nutrição é a ciência doalimento, dos nutrientes e outras substâncias, é o processo em que o organismo ingere, digere, absorve, transporta, utiliza e excreta as substâncias alimentares. (ANDRESON et al 1988).
Segundo ANDERSON et al (1988), o aconselhamento nutricional é muito importante para o tratamento e prevenção de muitas doenças. Cada indivíduo necessita de uma quantidade de nutrientes e de energia disponível nosalimentos para satisfazer suas necessidades fisiológicas e prevenir doenças.
A intervenção nutricional tem como objetivo a prevenção de doenças, a proteção e a promoção de uma vida mais saudável conduzindo ao bem estar geral de um indivíduo. (CUPPARI, 2006)
Não se pode confundir nutrição com alimentação. O ato de alimentar-se é um processo voluntário no qual o indivíduo obtém produtos para o seuconsumo, já a nutrição é um processo involuntário que abrange uma série de processos que são realizados independentemente da vontade do indivíduo.
Alimentação é uma etapa da nutrição. (CHAVES, 1985)

Dietas Hospitalares

A alimentação de um indivíduo sadio ou doente deve ser adequada ao estado em que se encontra. Em um indivíduo sadio a dieta deve ser balanceada de forma a conter todos osnutrientes (AUGUSTO et al 1995).
Independente do tipo de dieta prescrita, seu papel é suprir as necessidades de nutrientes para que o organismo possa aproveitar e o paciente goste e consiga consumir. A prescrição da dieta designa tipo, quantidade e frequência da alimentação com base no processo patológico do paciente e nas metas do seu tratamento (MAHAN; STUMP, 2003).
Para prescrever a dieta deve-seprimeiramente conhecer a patologia, fazer uma avaliação nutricional, exames antropométricos, clínicos e laboratoriais. Depois determinar o peso adequado e as necessidades calóricas para o individuo. Sabendo-se as necessidades do paciente elabora-se um plano alimentar que contenha alimentos distribuídos por refeições, as quantidades, consistência e via de administração. Também são feitos cálculosatravés de uma tabela de composição química de alimentos (AUGUSTO et al 1995).
A dieta hospitalar pode atenuar o sofrimento durante o período de internação, pois o paciente está longe da família, sem as suas atividades rotineiras e ansioso pelo restabelecimento (GARCIA, 2006).

Tipos de dietas

São várias as formas de mudança na dieta: mudança na consistência dos alimentos, aumento ou diminuição novalor energético da dieta, no tipo de alimento ou nutriente consumido, eliminação de alimentos específicos, equilíbrio de proteínas, gordura e carboidratos, fracionamento das refeições e mudança na via de administração (MAHAN; STUMP, 2003).
Nos hospitais existem vários tipos de dietas, entre elas a dieta geral, conhecida também como caseira, completa ou regular, esta é básica quando o paciente não...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Gastronomia Hospitalar
  • Gastronomia Hospitalar
  • Gastronomia Hospitalar
  • Gastronomia hospitalar
  • Gastronomia hospitalar
  • Gastronomia hospitalar
  • História e Evolução da Gastronomia Hospitalar
  • Artigo Gastronomia Hospitalar

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!