Gases que compõe a atmosfera

Gases que compõe a Atmosfera:
Segundo Barry e Chorley, 1976, a composição da atmosfera e sua estrutura vertical possibilitaram o desenvolvimento da vida no planeta. Esta é sua composição, quando seca e abaixo de 25 km é:
Nitrogênio (N2) 78,08 %, este atua como suporte dos demais componentes, de vital importância para os seres vivos, fixado no solo pela ação de bactérias e outros microrganismos,é absorvido pelas plantas, na forma de proteínas vegetais; e encontrado no estado gasoso, obrigatoriamente em sua forma molecular biatômica (N2). A mais importante aplicação comercial do nitrogênio é na obtenção do gás amoníaco pelo processo Haber.Considera-se que foi descoberto formalmente por Daniel Rutherford em 1772 ao determinar algumas de suas propriedades. Entretanto, pela mesma época,também se dedicou ao seu estudo Scheele que o isolou.
Oxigênio (O2) 20,94 % do volume da atmosfera, sua estrutura molecular varia conforme a altitude em relação ao solo, é responsável pelos processos respiratórios dos seres vivos. A principal utilização do oxigênio é como oxidante devido à sua elevada eletronegatividade superada somente pela do flúor. Por isso, o oxigênio líquido é usado comocomburente nos motores de propulsão dos foguetes, apesar de que nos processos industriais o oxigênio para a combustão é obtido diretamente do ar.
Argônio (Ar) 0,93 %; é empregado como gás de enchimento em lâmpadas incandescentes, já que não reage com o material do filamento, mesmo em altos níveis de temperatura e pressão. Com isso prolonga-se a vida útil da lâmpada. Emprega-se também na substituição donéon, nas lâmpadas fluorescentes, quando se deseja uma coloração verde azulada ao invés do roxo do néon. Também é usado como substituto do nitrogénio molecular( N2 ) quando este não se comporta como gás inerte devido às condições de operação.
No âmbito industrial e científico, é empregado universalmente na recriação de atmosferas inertes (não reagentes) para evitar reações químicas indesejadas emvários tipos de operações.
* Soldagem em arco elétrico.
* Fabricação de titânio e outros elementos químicos reactivos.
* Fabricação de monocristais — partes cilíndricas formadas por uma estrutura cristalina contínua de silício e germânio para componentes semicondutores.

Dióxido de carbono (CO2) (variável) 0,035 %; O CO2 é utilizado em massas e bebidas (bebidas carbonatadas) paradar-lhes efervescência, utilizado também em extintores durante os incêndios para isolar o oxigénio do combustível, em botijas para a prática de Paintball e pode ser utilizado numa concentração de 30 a 40% com gás oxigênio para produzir efeito anestésico em pequenos animais.

Hélio (He) 0, 0018 %. O hélio é mais leve que o ar, isto é, a densidade do hélio é menor que a densidade do ar, diferenciando-sedo hidrogênio por não ser inflamável, entretanto, apresenta poder ascensional 8% menor. Por este motivo, e por ser um gás inerte, é utilizado em dirigíveis e balões com fins recreativos, publicitários, reconhecimento de terrenos, filmagens aéreas e para investigações das condições atmosféricas. As maiores reservas de Hélio encontram-se nos Estados Unidos. Estas reservas são estratégicas econtroladas pelo governo norte-americano. Não estão disponíveis para venda em grandes quantidades.
Ozônio (O3) 0, 00006 %. Na indústria, o ozônio é utilizado em misturas com outros gases devido à sua poderosa capacidade como agente oxidante, sobretudo na transformação de alcenos em aldeídos, cetonas ou ácidos carboxílicos. Também é um poderoso germicida, empregado em engenharia sanitária para adesinfecção da água potável e na remoção de sabores e odores indesejáveis e serve também como agente branqueador para compostos orgânicos.
Hidrogênio (h4) 0, 00005 %. Grandes quantidades de H2 são necessárias nas indústrias de petróleo e química. A maior aplicação de H2 é para o processamento ("aprimoramento") de combustíveis fósseis, e na produção de amoníaco. Os principais consumidores de H2 em uma...
tracking img