Génese do trafico de escravos e suas rotas

Introdução
Génese do trafico de escravos e suas rotas

A escravidão esteve presente no continente africano muito antes do início do comércio de escravos comeuropeus na costa atlântica.

O fenómeno da escravatura desde tempos imemoriais. A escravidão de seres humanos era, em geral, o resultado de guerras entre povos e era amplamentepraticada em todo o mundo e em todas as culturas, desde a antiguidade mais remota.

Denzevolvemento
A escravização do africanopelo africano

Muitas tribos rivais faziam prisioneiros em conflitos e vendiam-nos para árabes e europeus. De fato, este foi um dos elementos chaves responsáveis pela mercantilização dospovos africanos.

Os povos mais frágeis eram capturados pelos chefes das tribos e trocados com os europeus por mercadorias. Basicamente os conflitos tribais na África alimentavam otráfico, assim como até hoje, conflitos internos aliados à corrupção de governantes locais, ainda são responsáveis por todo um contexto de miséria existente no continente africano.Guerras civis entre forças revolucionárias e governos corruptos na África, fizeram uma quantidade enorme de vítimas, onde os mais fracos são os que pagam com a própria existência. A baixaindustrialização do continente e o conflito de interesses entre liberais e a esquerda, protelam, actualmente, uma solução económica e social viável para o povo africano.

Durante os primeirosquatro séculos do século XV a metade do XIX de contacto dos navegantes europeus com o continente negro, a África foi vista apenas como uma grande reserva de mão-de-obra escrava, a ´´ madeira deébanos a ser extraída e exportada pelos comerciantes. Traficantes de quase todas as nacionalidades montaram feitorias nas costas da África. As simples incursões piratas que visavam inicialmente atacar...
tracking img