Fundamentos e metodologia do ens. da língua portuguesa

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1354 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Unidade de Ensino: Universidade Anhanguera Uniderp – Ensino a Distância Curso: Pedagogia Disciplina: Fundamentos e Metodologia do Ens. da Língua Portuguesa Profa. Ma. Rosemeire Lopes da Silva Farias

ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS Pedagogia 5º Semestre Fundamentos e Metodologia da Língua Portuguesa

Professor EAD: Profa. Ma. Rosemeire Lopes da Silva Farias Professor tutor presencial:Iramaia Massoni Alunas: Adriana L. Campos Nizoli RA:201373

Angela Maria Bengevenva Câncio RA: 268061 Claudia L. C. NizoliVarola RA:201371 Elizana Silva De Jesus RA: 220879 Lenivalda Neris Bonfin RA: 218578 Marissol Massoni RA: 240515

Universidade Anhanguera Uniderp

Resumo das atividades:

1- Principais diferenças entre Linguagem e a Escrita 2- Coerência verbal e nominal 3- Análiseinterpretativa 4- Gêneros literários

Linguistica

LINGUAGEM: É mais espontânea, abrange a comunicação linguística em toda a sua totalidade . Além disso, é acompanhada pelo tom de voz, algumas vezes por mímicas e fisionomias.

 

Oro / Ouro

caixa/caxa

Sapatero / Sapateiro

CADEIRA

CADERA

Istuda / Estuda

Cabelerero / Cabelereiro

CARANGUEJO

CARANGUEIJO

FOGUEIRAFOGUERA

BEIJO

BEJO

http://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=183020

Definição de Variação Linguistica

Variação linguistica

Penal Estojo é um nome genérico a um recipiente (ou uma caixa) que se utiliza para guardar um objeto específico, tal como, lentes de contato, documentos. Em algumas localidades do Paraná e Santa Catarina, o estojo é usado para guardarcanetas, lápis, borracha e apontador e é conhecido como penal.

Variação linguística

“CHEIRO” no Nordeste é comum usarem essa palavra para representar um carinho feito em alguém, em outras regiões do Brasil se chama de beijinho.  

Mexerica é um termo mais comum nas regiões Centro-Oeste e Sudeste do Brasil, especialmente em Goiás, Minas Gerais e Espírito Santo. Em alguns estados da RegiãoNordeste do Brasil, é conhecida como laranjacravo. Nos estados do Piauí e Maranhão, é conhecida também como tanja. Em alguns poucos lugares, como em Curitiba, é chamada de mimosa. No Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e em São Paulo, qualquer qualidade dessa fruta é chamada de poncã.

Seja bem vindo e experimente a linguiça.

Comida caseira e marmitex, ali ó.

Tapioca feita na hora, quem nãopediu peça!

VENDE- SE ESTA CASA

Ser moça é fácil, difícil é ser virgem.

ESTÁ COM SEDE? COCO GELADO.

Cabelereiro

Espaço de beleza

Vende-se bicicletas em bom estado, criança e homem

Análise da pior e a melhor coisa do mundo. logo abaixo é o hiperlink da fábula.

A MELHOR E A PIOR COISA DO MUNDO

Como relata Esopo, há quem use a língua para ditar amor caridade esentimento. E há aqueles que projetam o desamor a destruição e instigam a maldade. È a Natureza humana, o homem obedece e desobedece



Histórico - sobre fatos que exerceram considerável influência na evolução da humanidade.  Crônica: narrativas cronológicas de fatos relativos a um reinado ou governo, ou narrativa de um acontecimento. Biografia: descrição da vida de personagens notáveis. RomanceHistórico: narração onde o autor mistura os fatos e personagens verdadeiros com fatos e personagens imaginados pelo autor. História: narração dos fatos naturais ou atos humanos que determinaram a evolução da humanidade.

 



 

 

Didático – são as composições literárias que têm por finalidade ensinar. Tratado: exposição de princípios, leis, definições, que se referem a uma ciênciaou arte. Narrativo – Ficções em geral. Romance: na Idade Média, usado para designar a poesia épica. No Romantismo, designava qualquer obra em prosa e de ficção, quer fossem romances históricos, psicológicos, experimentais, sentimentais, cientifistas ou de aventura Fábula: o assunto é a vida dos animeis, com a finalidade de dar lição de ordem moral.

História recontada pelos negros no Brasil,...
tracking img