Fundamentos de economia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1088 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Trabalho de fundamentos de economia

Objetivo: resumir os capítulos 8, 13 e 14
Universidade: Estácio de Sá
Curso: Engenharia de petróleo e gás
Capítulo 8: Introdução á macroeconomia
Introdução: A macroeconomia estuda a economia como um todo, analisando a determinação e o comportamento de grandes agregados, tais como: renda e produto nacionais, nível geral de preços, emprego e desemprego,estoque de moeda e taxas de juros, balanço de pagamentos e taxa de câmbio.
Objetivos de política macroeconômica: são os seguintes os objetivos de política macroeconômica:
* Alto nível de emprego;
* Estabilidade de preços;
* Distribuição de renda socialmente justa;
* Crescimento econômico.
Alto nível de emprego: Pode –se dizer que as discussões sobre desemprego, a partir dos anos1930, permitiram um aprofundamento de análise macroeconômica. E o livro de John Maynard Keynes, Teoria geral do emprego, dos juros e da moeda, de 1936, forneceu aos governantes os instrumentos necessários para que a economia recuperasse seu nível de emprego potencial ao longo do tempo.
Estabilidade de preços: Define-se inflação como o aumento contínuo e generalizado no nível geral de preços.Costuma-se aceitar que um pouco de inflação faça parte dos ajustes de uma sociedade dinâmica, em crescimento.
Distribuição equitativa de renda: A economia brasileira cresceu razoavelmente entre o fim dos anos 1960 e a maior parte da década de 1970. Apesar disso, verificou-se uma disparidade muito acentuada de nível de renda, tanto entre diferentes grupos socioeconômicos como entre as regiõesbrasileiras. Tal situação fere, evidentemente, o sentido de equidade ou justiça social.
Crescimento econômico: Se existe desemprego e capacidade ociosa, pode –se aumentar o produto nacional por meio de políticas econômicas que estimulem a atividade produtiva. No entanto, feito isso, há um limite á quantidade que se pode produzir com a tecnologia e os recursos disponíveis.
Dilemas da política econômica:inter-relações e conflitos de objetivos: O crescimento econômico pode facilitar a solução de problemas relativos á pobreza , pois os conflitos sociais sobre a divisão do bolo produtivo podem ser abrandados quando ele aumenta. Nesse sentido, pode –ser-ia aumentar a renda dos pobres sem diminuir os ricos.
Instrumentos de política macroeconômica: A política macroeconômica envolve a atuação dogoverno sobre a capacidade produtiva (oferta agregada) e as despesas planejadas (demanda agregada), com o objetivo de permitir que a economia opere a pleno emprego, com baixas taxas de inflação, com distribuição de renda justa, e cresça de forma continua e sustentável.
Política fiscal: Refere-se a todos os instrumentos de que o governo dispõe para arrecadar tributos (política tributária) e controlarsuas despesas (política de gastos).
Política monetária: Refere-se á atuação do governo sobre a quantidade de moeda e títulos públicos existentes na economia.
* Emissões;
* Reservas compulsórias (percentual sobre os depósitos que os bancos comerciais devem colocar á disposição do banco central);
* Open market (compra e venda de títulos públicos);
* Redescontos (empréstimos do bancocentral aos bancos comerciais);
* Regulamentação sobre crédito de taxa de juros.
Políticas cambial e comercial: São políticas que atuam sobre as variáveis relacionadas ao setor externo da economia.
Política de rendas: Refere-se á intervenção direta do governo na formação de renda (salários,aluguéis), com o controle e congelamento de preços.
Estrutura de análise macroeconômica:Tradicionalmente, a estrutura básica do modelo macroeconômico compõe-se de cinco mercados:
* Mercado de bens e serviços } parte ‘real’ da economia.
* Mercado de trabalho } parte ‘real’ da economia.
* Mercado monetário } parte ‘monetária’ da economia.
* Mercado de títulos } parte ‘monetária’ da economia.
* Mercado de divisas} parte ‘monetária’ da economia....
tracking img