Fundamentos da filosofia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2840 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADE DE DIREITO DE CONSELHEIRO LAFAIETE INTRODUÇÃO À FILOSOFIA APOSTILA I1 I. Elementos etimológicos e semânticos 1.1. Filosofia Dentro das pesquisas que o ser humano é capaz de fazer utilizando-se de sua inteligência, a pesquisa pelo sentido último de todas as coisas é a que mais provoca o raciocínio do ser chamado de zoón logikón. O perguntar “O que é isso?” não corresponde a uma meracuriosidade intelectual, mas, a fortiori, corresponde a uma exigência premente a todo aquele que não se contenta com superficialidades, tecnicismos, ou opiniões ausentes de embasamento. A busca do saber das coisas em sua profundidade é própria do pensar humano, e a procura do sentido é a expressão maior da aspiração intelectual que supera todo tipo de saber artificial ou epidérmico. A Filosofiacolabora, insistentemente, para que a exigência do saber tenha um caminho a prosseguir e, deste modo, conseguir seu objetivo. Desde muito, na Grécia que supera o mythós pelo discurso racional e organizado, o lógos2, a Filosofia, amor pelo saber do saber, é instrumento hábil que garante a cada humano a possibilidade de ir além da mera aparência ou das dóxai: a filosofia tornou possível a ciência e, aomesmo tempo, gerou a consciência no ser humano da sua capacidade de fazer uso de sua razão, uso de seu entendimento3. De acordo com a etimologia da palavra, Filosofia vem de dois substantivos gregos: filo (amor, comparado ao amor entre amigos) e sophía (sabedoria, saber). Segundo antiga tradição, o criador deste termo foi Pitágoras de Samos (séc. V a.C.), em preferência ao termo sóphos, sophista4.Preferia ser chamado de “amigo da sabedoria” (filo\v te\v sofh/v). Sobretudo por Pitágoras, o termo filosofia tinha todo um caráter religioso, algo muito forte na Grécia, e pressupunha, de alguma maneira, que a humanidade só seria capaz de conhecer se “participasse” do conhecimento dado como dom pelos deuses, mormente Palas Atena, deusa da sabedoria. Entretanto, a filosofia não é simplesmente amorà sabedoria, religiosa ou emotivamente falando. A filosofia é, de fato, uma ação verdadeira que consiste em amar o saber sobre o amor do saber. O que significa isso? Não é suficiente ver no termo filosofia
1 2

Textos compilados pelo Prof. Leandro José de Souza Martins para uso dos alunos do 1º período da FDCL. Do grego légein, verbo que significa, dentre tantas coisas, recolher, organizar, contar.3 O que será, com Kant, o lema no Iluminismo, a partir do imperativo de Horácio: Sapere aude! (Cf. KANT, Immanuel. Resposta à pergunta: o que é Esclarecimento?). 4 Etimologicamente, o termo sofista significa sábio. Entretanto, com o decorrer do tempo, ganhou o sentido de impostor, devido, sobretudo, às críticas de Sócrates e Platão. Os sofistas eram professores viajantes que, por determinadopreço, vendiam ensinamentos práticos de filosofia. Levando em consideração os interesses dos alunos, davam aulas de eloqüência e sagacidade mental. Ensinavam conhecimentos úteis para o sucesso dos negócios públicos e privados. As lições sofísticas tinham como objetivo o desenvolvimento do poder de argumentação, da habilidade retórica, do conhecimento de doutrinas divergentes. Eles transmitiam todo umjogo de palavras, raciocínios e concepções que seria utilizado na arte de convencer as pessoas, driblando as teses dos adversários. Hoje, uma nova visão dos sofistas é apresentada, diminuindo todo aspecto negativo. Jaeger, na Paidéia, afirma que os sofistas “são um fenômeno tão necessário quanto Sócrates e Platão; aliás, sem eles, estes são impensáveis”. (JAEGER., Paidéia, p. 341).

2

somente suasignificação etimológica: é preciso perceber que, no próprio termo, o conteúdo, o método e o objetivo também estão incluídos, de tal forma que a filosofia é amor pelo amor do saber, e um amor que sabe que ama e que ama sabendo. A filosofia investiga, efetivamente, o fundamento que torna possível e legítimo este saber último de todas as coisas, saber por que as coisas são o que são e não são o...
tracking img