Frei luis de sousa

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2876 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
I . Autor – Dados Biográficos

Nome: Almeida Garrett.
Nascimento (local e data): Porto, a 4 de Fevereiro de 1799.
Morte (local e data): Lisboa, a 9 de Dezembro de 1854.
Outras Obras: Folhas Caídas; Viagens na minha terra; entre outras obras.
II . Elementos Paratextuais

Capa: A capa desta obra possui a informação de que a obra é integral; o nome da obra –Frei Luís de Sousa; o nome doautor –Almeida Garrett; a informação de que há uma introdução na obra escrita por Palmira Nabais; na vertical, podemos encontrar outra informação, neste caso informa-nos que o livro foi publicado através da Biblioteca Ulisseia de Autores Portugueses, e respectivo logótipo; e no fim a imagem de um homem que possivelmente é Frei Luís de Sousa.
Contracapa: A contracapa desta obra possui nomes de várioslivros da mesma editora; e o código de barras.
III . Obra

Título: Frei Luís de Sousa.
Assunto: Esta obra aborda a vida de Manuel Coutinho, que casou com D. Madalena, que por sua vez, já tivera sido casada, mas o seu marido –D. João de Portugal- tivera desaparecido na batalha de Alcácer Quibir. Como tudo o que desaparece, apenas desaparece e não deixa de haver uma possibilidade de retorno,neste caso, a possibilidade dele aparecer era tão grande que ele apareceu mesmo. Esse facto levou à morte de Maria, a filha de D. Madalena, e ao convertimento de D. Madalena e Manuel Coutinho, que se entregaram à vida religiosa, indo ambos viver para conventos distintos.
Parte mais interessante. Para mim, a parte mais interessante nesta obra é uma das ‘lições de vida’ que se lhe pode tirar –não sedeve desistir de encontrar uma pessoa desaparecida, pois podemos estar a contribuir para o seu ‘desaparecimento deste mundo’. E se nos quisermos livrar dela também a devemos procurar, porque ela aparece sem darmos conta, e nem temos tempo para nos prepararmos.
Parte menos interessante. Na minha mísera opinião, esta obra não é muito interessante, porque é estranho o facto de D. Madalena ter gastotanto dinheiro para tentar encontrar D. João de Portugal e só depois de esta se ter casado com outro é que ele aparece. Para além disso, o facto de Maria se ter morto por estar ‘arruinada’ perante a sociedade também não é algo benéfico para a peça, pois revela falta de coragem e atitude –aspectos que pareciam ser próximos da personagem.
Personagem preferida. Na minha opinião, nesta obra não hánenhuma personagem que se destaque mais que qualquer outra. Julgo que todas são semelhantes.
Duas citações. Na minha opinião, esta obra não tem citações marcantes.
Comentário sobre a obra: Acho que esta obra é muito simples e muito pouco atribulada. As situações que se sucedem ao longo da peça, na minha mísera opinião, são um pouco ‘maçadoras’ e fastidiosas pela sua previsibilidade.

Personagens:Maria, Telmo Pais, DªMadalena, Manuel de Sousa Coutinho, Frei Jorge e o Romeiro.
Palácio que fora de Dº João de Portugal, em Almada, que agora pertence a Dª Madalena.
Salão antigo de gosto melancólico e pesado, com grandes retratos de família, muitos de corpo inteiro; que estão em lugar de destaque.
Do lado esquerdo para o interior, coberto de reposteiros com as armas dos condes de Vimioso.Deixa de haver janelas e as portas, ainda no plural, são já mais destinadas a cercar as personagens que a deixá-las escapar.
Maria, DªMadalena e Telmo Pais chegaram ao palácio de DºJoão de Portugal e deparam-se com um cenário horrendo, misterioso, triste, pesado e melancólico.
Quando entram encontram três retratos expostos numa parte da casa com saliência e que seriam os retratos de el-reiDºSebastião, de Camões e de DºJoão de Portugal.
DªMadalena dorme dias sem fim e tendo ainda muitos pesadelos por causa do incêndio do palácio de Manuel de Sousa Coutinho e de se ter incêndiado seu retrato.
Maria conversa com Telmo Pais sobre o retrato de DºJoão de Portugal mas nunca lhe revelando a sua identidade.
Maria diz a Telmo que gostaria que DºSebastião volta-se daquela batalha depois de...
tracking img