Fraudes

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2325 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
estabelecer critérios para prevenção de erros, fraudes e desvios contábeis financeiros.

A Auditoria é um importante instrumento na prevenção e combate a erros e fraudes nas organizações, com a função de reduzir e até mesmo impedir a prática desses delitos. O trabalho de Auditoria não tem como principal função detectar erros e fraudes, mas sua evidenciação no decorrer dos procedimentos. Naforma de prevenção, a auditoria feita nas demonstrações contábeis deixa transparecer a credibilidade, confirmando recomendações e sugestões à entidade, gerando informações úteis para a tomada de decisão.
O controle interno serve para evitar o abuso de poder, o erro, a fraude e principalmente, a ineficiência, são fundamentais para que as entidades resguardem os seus ativos, assegurem a fidelidade eintegridade dos registros, demonstrações, informações e relatórios contábeis, conheçam efetivamente a realidade da entidade, estabeleçam e conheçam quais os seus compromissos com a gestão, orientem e estimulem a organização estrutural e funcional, comuniquem as diretrizes administrativas, onde o controle interno serve como facilitador para o trabalho do auditor
Na maioria das vezes, osfraudadores das organizações são empregados dedicados ao trabalho, que ocupam cargos de confiança, e que após a descoberta das irregularidades serão indiciados em dois aspectos: o penal e o civil, implicando na aplicação de medidas punitivas e na recuperação do valor desviado, pois a fraude é um crime reconhecido por Lei.
As empresas devem sempre estar atentas para a ocorrência deirregularidades nas suas dependências, procurando adotar medidas para combater e até mesmo extinguir esses delitos, como:
 Exaltar o comprometimento dos funcionários com a empresa através da implantação de procedimentos que estimulem a integridade do colaborador;

 Implantar sistemas de controles internos, tentando diminuir a oportunidade de ocorrência de fraudes;

 Monitorar as atividades, comauditoria interna e externas periódicas, e ainda revelar e punir os fraudadores;

 Tentar diminuir, de todas as formas possíveis, as chances de fraudes, sempre buscando softwares atualizados com a implantação de senhas de acesso nas dependências da organização e nos computadores, e ainda cópias de todos os arquivos como forma de prevenção de ocorrência de possíveis furtos;

 Verificar se aContabilidade está sendo realizada de acordo com a legislação vigente, e se os dados estão sendo lançados.


 Conferência física entre o saldo em espécie com o boletim de caixa, rotina a ser realizada diariamente;

 Realização de conferências pelo superior da área de forma imprevisível;


 Todo recurso recebido pelo responsável pelo caixa dever ser firmado viarecibo, responsabilizando-o pela sua gerência;

 Zelar pela guarda dos títulos em cofre;

 Acesso restrito ao caixa;
Uma empresa necessita constituir, para si, sistemas que lhe garantam conhecer os atos e eventos ocorridos em cada um dos seus segmentos. Os efeitos ocorridos através da realização de cada ato devem ser escriturados e levados, em tempo hábil, ao conhecimento dosadministradores.


BC atribui responsabilidade por rombo no Panamericano a falhas de auditorias

O Banco Central (BC) refutou na quarta-feira as críticas de que teria demorado para encontrar o rombo de R$ 2,5 bilhões na contabilidade do Banco Panamericano e jogou a responsabilidade nas empresas de auditoria. O BC argumenta que sua função é analisar balanços, não conferir se foram adulterados. Aauditoria interna do Panamericano era a Delloite.
Na terça-feira à noite, o Grupo Silvio Santos, controlador do Panamericano, anunciou um aporte de R$ 2,5 bilhões na instituição para cobrir um buraco equivalente. A diferença de valores, conforme antecipou o portal estadão.com.br, foi provocada por fraudes contábeis. O dinheiro para o aporte foi obtido em um empréstimo concedido pelo Fundo...
tracking img