Franquias

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1443 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1. INTRODUÇÃO


O sistema de franquias cada vez mais popular por ser considerada uma forma mais segura de se iniciar um negócio, encontra-se em expansão no mercado brasileiro e internacional, envolvendo a distribuição de produtos e/ou serviços, mediante condições estabelecidas em contrato por franqueador e franqueadas.
Este trabalho objetiva explicar melhor, mas de forma resumida, comosurgiu, o que é como funciona, qual a melhor forma de escolher a melhor franquia, as vantagens e desvantagens e quais franquias são consideradas as melhores do mercado brasileiro atualmente.





















2. Breve Histórico


Alguns historiadores acreditam que as franquias surgiram na idade média, quando a Igreja Católica passou a conceder licenças ou franquias asenhores de terras para que, em seu nome, coletassem impostos e taxas, entretanto muito diferente do tipo de franquia que temos hoje.
A franquia com o formato mais atual como temos hoje, iniciou em 1851, pela empresa americana de maquinas de costuras Singer, quando ela resolveu conceder licenças para comerciantes interessados na revenda de seus produtos.
Em 1888 foi a vez da General Motors, o que deuorigem as concessionárias, em 1889 a Coca-Cola criou a primeira franquia de produção que se tem noticias, concedendo licenças para empresários interessados em produzir e comercializar seus refrigerantes em áreas geográficas definidas por contratos, mais ou menos como acontece hoje.
Mas a explosão só aconteceu após a Segunda Guerra Mundial, no Brasil, as escolas de Inglês Yázigi e CCAA foram,nos anos 60, as primeiras marcas a experimentar o sistema. Entretanto, só a partir dos anos 80 houve um incremento nos negócios.















3. O que é e como funcionam as franquias?


“De acordo com a Lei 8.955/94, Franquia empresarial é o sistema pelo qual um franqueador cede ao franqueado o direito de uso da marca ou patente, associado ao direito de distribuição exclusivaou semi-exclusiva de produtos ou serviços e, eventualmente, também ao direito de uso de tecnologias de implantação e administração de negócio ou sistema operacional desenvolvido ou detido pelo franqueador, mediante a remuneração direta ou indireta, sem que, no entanto, fique caracterizado vínculo empregatício.”
É importante ressaltar que o franqueador não fornece ao franqueado apenas o direito decomercialização de seus produtos. Ele fornece também os seus segredos e seu método, que caracterizam seu know-how e modo de gerenciamento.
Por outro lado, o franqueado assume integralmente todos os custos de montagem e operação de sua unidade franqueada e remunera a franqueadora pela transferência de know-how, treinamentos, uso da marca e assistência contínua. A empresa franqueada efranqueadora é independente, ou seja, têm autonomia empresarial, tanto jurídica quanto financeira.














4. Modalidades de Franquias


Franquia Individual: Hoje o modelo mais encontrado em nosso mercado é o da franquia individual. A unidade franqueada traz em sua implantação todo o conceito de negócio projetado. Funciona em um ponto comercial especificamente escolhido e preparadopara receber a marca. Na franquia individual não é permitido instalar e operar outra modalidade de negócio. Ou seja, não é permitido dividir o espaço com outras marcas.
Franquia Shop in Shop: É uma modalidade operacional que permite ao empresário levar para o interior de sua loja uma mini-franquia, constituída por um quiosque ou mini-loja, de área bem reduzida, com o objetivo de comercializarprodutos e/ou serviços específicos, que tenham sinergia com o negócio principal. Explicando melhor, as duas empresas atuando juntas têm um resultado operacional melhor do que a soma dos resultados que produziriam se atuassem individualmente.
Mini Franquias: As Mini-Franquias são pequenas unidades criada para serem instaladas dentro de outras lojas, tais como magazines, hipermercados, lojas de...
tracking img