Folha de pagamento

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1611 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Tema 8 Folha de Pagamento Princípios de Contabilidade

Ao final desta aula, o aluno(a) terá condições de:  Elaborar uma Folha de Pagamento;  Calcular os impostos incidentes sobre a Folha de Pagamento;  Contabilizar os lançamentos contábeis referente a Folha de Pagamento;  Conhecer os Princípios de Contabilidade;  Efetuar lançamentos contábeis à luz deste princípios;  Ter ciência dasúltimas alterações nas Resoluções do Conselho Federal de Contabilidade – CFC.

2

Introdução
Basicamente uma Folha de Pagamento é o documento que deve ser elaborado, ao final de cada mês, por todas as entidades que possuem empregados, indicando seus nomes, respectivos salários brutos, descontos e valores líquidos a serem pagos. Embora não exista modelo padronizado, sua emissão é obrigatória paraefeito de fiscalização trabalhista e previdenciária. Assim, as empresas preparam mensalmente as folhas de pagamentos de salários, inserindo nelas informações de seu interesse, além daquelas exigidas por leis. Os Princípios de Contabilidade são os conceitos básicos que constituem o núcleo essencial que deve guiar a profissão na consecução dos objetivos da Contabilidade. Os Princípios são comograndes placas de direção e atenção de uma rodovia moderna.
3

Conceito
Folha de pagamentos de salários é o documento no qual são relacionados os nomes dos empregados com cargo, função, o valor bruto dos salários, os descontos, o valor das quotas do salário-família que cada um tem a receber.

4

Ítens Essênciais da Folha de Pagamento
 Salário bruto dos funcionários;
 INSS dosfuncionários(é dedução do salário, pois está incluído neste);  INSS patronal (não é dedução, pois está além do salário bruto);  IRRF (Dedução do Salário Bruto);  FGTS (Não é dedução do salário bruto);

 Salário Líquido dos Funcionários.

5

Itens Secundários da Folha de Pagamento
 Empréstimos Consignados;

 Seguro de Vida;
 Contribuições Sindicais;  Adiantamentos de Salários;  Contribuiçõesde Previdência Privada.

6

Salário Bruto
Salário bruto corresponde o valor das despesas de salários da empresa. Fazem parte do salário bruto:

 Salário mensal;
 Horas extras;  Gratificações ;

 Comissões e etc..

7

Apropriação do Salário Bruto
Ao final do mês a empresa faz o seguintes lançamento relativo a apropriação da folha de pagamento, conforme

regime decompetência.
D – Despesas de Salários

C – Salário a pagar

8

Contribuição de PrevidênciaINSS
A contribuição de previdência se dá de duas formas:  Parte dos empregados que tem seu cálculo feito em função do salário-contribuição de cada funcionário;  Parte da empresa calculada sobre o total bruto da folha.

9

Contribuição de PrevidênciaINSS
TABELA VIGENTE Salário-de-contribuição (R$)Alíquota para fins de recolhimento ao INSS (%) 8 9 11
10

até R$ 1.174,86 de 1.174,87 até 1.958,10 de 1.958,11 até 3.916,20

Contribuição de PrevidênciaINSS
O INSS dos empregados é descontado na folha de pagamento, pois o

mesmo constitui um custo para os empregados, sendo o seu lançamento
feito da seguinte fórmula: D – Salários a pagar D – INSS a Recolher

11

INSS Patronal
Este é o custopara empresa, calculado sobre o total bruto da folha de pagamento. Sua alíquota pode variar entre 26,8%, 27,8% e 28,8%. Seu lançamento ocorre da seguinte forma: D – INSS D – INSS a Recolher

12

INSS Patronal
ÓRGÃO INSS Salário Educação Sesi Senai Sebrae INCRA Seguro de Acidente de Trabalho (SAT) 20% 2.5% 1,5% 1,0% 0,6% 0,2% 1%, 2% ou 3%
13

ALÍQUOTA

Imposto de Renda- IRRF
O impostode renda constitui um custo do empregado, sendo o mesmo descontado do seu salário bruto. Seu cálculo é feito em função da base

de cálculo, diferente do INSS que é feito sobre salário contribuição

14

Imposto de Renda- IRRF
Base de cálculo mensal em R$ Até 1.637,11 De 1.637,12 até 2.453,50 De 2.453,51 até 3.271,38 De 3.271,39 até 4.087,65 Acima de 4.087,65 Alíquota % 7,5 15 22,5...
tracking img