Flusser, seu mundo codificado e o design

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3947 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
FLUSSER, SEU MUNDO CODIFICADO E O DESIGN

Diólia de Carvalho Graziano1

O presente artigo tem como objetivo analisar os ensaios escritos por Flusser em sua fase madura, ou seja, datados entre o final da década de 70 e inicio da década de 90, tendo como recorte principal "Teoria da Comunicação" e, como pano de fundo secundário, a intenção de averiguar se o autor aborda naqueles textos a"Cultura do Ouvir". Verificar se em algum momento das teorias estabelecidas por Flusser ao longo dos textos analisados, este ressalta a sonoridade, a "audiovisualidade" ou se Flusser se concentra somente no aspecto visual. Para isso almeja-se analisar os seguintes ensaios: O mundo codificado (1978), O futuro da escrita (1983-84), Imagens nos novos meios (1989), Uma nova imaginação (1990), Sobre apalavra design (1990), O modo de ver do designer (1991), Design: obstáculo para a remoção de obstáculos? (1988), Uma ética do design industrial? (1991), Design como Teologia (1990). Pretende-se utilizar também os autores Menezes e Baitello. Palavras-chave: Flusser, Teoria dos media, audiovisual, fotografia, comunicação.

Flusser, his encoded world and the design

This article aims to analyze essayswritten by Flusser in his mature phase, ie, dating from the late 70's and early 90's, focusing on principal "Theory of Communication" and the background secondary, the intention of ascertaining whether the author addresses those texts to the Culture of Listening. "Check if at any time of the theories established by Flusser over the analyzed texts, this emphasizes the sound, the "audiovisual" orFlusser focuses only on the visual aspect. For that aims to analyze the following tests: the codified world (1978), The future of writing (198384), Pictures in the new media (1989), A new imagination (1990), On the word design (1990), The way to see the designer (1991), Design: obstacle to the removal of obstacles? (1988), An ethic of industrial design? (1991), Design and Theology (1990). It isintended to also use the authors and Baitello Menezes. Keywords: Flusser Theory of the media, audiovisual, photography, communication.

Sobre Flusser2: Vilém Flusser nasceu em 12 de maio de 1920 em Praga, de uma família de intelectuais judeus. Ele é descrito (Baitello,2005) como tendo sido de presença
1

Curriculo Lattes:

2

Fontes: Wikipedia. Disponível em . Acessado em 01 jan 2011. SiteFlusser Studies. Disponível em . Acessado em 01 jan 2011. Tradução livre da autora.

imponente e possuidor de impressionante gestualidade vocal e corporal que se fez lenda, de idéias performáticas. Autodidata, em 1940 perde sua irmã, seus pais e avós, mortos em campos de concentração. No ano seguinte Vilém Flusser deixa a Inglaterra vindo para o Brasil, onde posteriormente se naturaliza. Apartir de 1960 Flusser inicia sua colaboração com a Revista Brasileira de Filosofia, editada pelo Instituto Brasileiro de Filosofia (IBF) ambos fundados por Miguel Reale, em São Paulo, aproximando-se assim de um círculo de intelectuais brasileiros de formação liberal. De acordo com Baitello (2005), Flusser “devorou a cultura brasileira da mesma maneira como a cultura brasileira devorou as culturas queaqui aportaram.” Ao longo da década de 1960, leciona Filosofia da Ciência, na Escola Politécnica da USP. Em 1962 torna-se membro do Instituto Brasileiro de Filosofia, e é nomeado professor de filosofia da comunicação pela FAAP (Faculdade de Comunicação e Humanidades). Participa ativamente da vida artística da cidade, colabora com a Bienal de São Paulo e em 1963 publica seu primeiro livro - Línguae realidade. Em 1964, ele também se tornou co-editor da Brazilian Philosophical review. Em 1966, inicia sua colaboração com o jornal Frankfurter Allgemeine Zeitung. Por causa da situação problemática no Brasil após o golpe militar de1964, foi ficando mais difícil para Flusser proferir palestras e também publicar. Em 1970 a reforma universitária agrega os professores de filosofia da USP ao...
tracking img