Flavio imperio e sua trajetoria artistica e academica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1064 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
FLÁVIO IMPÉRIO E SUA TRAJETÓRIA ARTÍSTICA E PROFISSIONAL

Flávio Império foi um arquiteto e artista que dominava abrangentes tipos de linguagem. Atuou em diversos campos como o da cenografia, arquitetura, artes plásticas e do teatro e ensino. Esteve presente em momentos muito importantes para a arte e a cultura brasileira durante as décadas de 60 e 70.
Império compreendia as relações e oslimites entre a arquitetura e as demais artes, o que o fez transitar livremente por áreas que, ao mesmo tempo em que são tão distintas, estão ligadas ao mesmo campo de percepção visual e sensorial. Dessa forma, suas obras contêm questões muito relacionadas ao campo da linguagem e da percepção.
Em 1958, foi formado por Flávio Império e seus colegas da FAU- USP, Rodrigo Lefévre e Sérgio Ferro, ogrupo chamado de Arquitetura Nova, onde existia uma extensa troca de ideias e informações que representaram uma radicalização política quanto aos processos de produção na arquitetura e nas artes.
Império possuía grande interesse por cenografia e principalmente por teatro, o que o fez em 1959 se unir ao grupo do Teatro de Arena e mais a frente em 1962, se unir ao Teatro de Oficina, experiências quelhe proporcionaram um exercício de alternância de soluções criativas e contribuíram de forma marcante na sua formação artística, refletindo em trabalhos posteriores, tanto em teatro como em arquitetura.
Além do seu incrível desempenho nas diversas formas de arte citadas acima, Flávio Império também lecionou durante muito tempo na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP, colaborandointensamente com o ensino das artes e da arquitetura.
As informações sobre seu trabalho na área acadêmica indicavam um tipo de ensino experimental, dinâmico, de desenvolvimento e formação de um senso crítico sobre o trabalho do arquiteto, assim como de instrumentalização abrangente do aluno. Esse desenvolvimento tinha a finalidade de habilitar o aluno a realizar trabalhos de comunicação visual, de desenhoe de projetos de arquitetura através da prática contínua de atelier, e constante inovação e interação entre professor e aluno nos exercícios propostos em sala.
Com sua maneira diferenciada de lecionar, Flávio Império teve uma importante contribuição na formação de artistas e arquitetos ao longo de sua carreira como professor.
No final dos anos 70, deixou a USP para dedicar-se a uma série deviagens culturais enriquecedoras para seu experimentalismo artístico, voltando a lecionar somente na década de 80.
FLÁVIO IMPÉRIO E O CONTEXTO POLÍTICO DAS DÉCADAS DE 60 E 70

Pode-se dizer que a década de 60 foi marcada pela intensa reflexão sobre questões políticas e culturais do Brasil. Foi uma época de efervescência da cultura nacional, onde parte de intelectuais e artistas, banhados por umpensamento de esquerda devido as ilusões trazidas pelo governo de João Goulart, discutiam sobre arte, cultura, economia e política, revindicando mudanças qualitativas na vida da população.
Neste período existia a esperança por parte da sociedade brasileira de ver a instauração de um governo de esquerda por João Goulart, que transformaria o sistema político-econômico do Brasil em um mais igualitárioe prometia uma revolução social, na medida em que a burguesia populista acreditava em intimidar a política de direita. Os intelectuais e artistas possuíam nesse momento um pensamento completamente esquerdista. Era de esquerda a produção artística da época.
Muito marcada por tensões políticas e pela desilusão por parte da esquerda, pelo fato do governo de João Goulart não chegar a cumprir todaaquela promessa de revolução social e melhoras na vida da população, e subsequente pela tomada do poder pelo golpe de direita, essa época se caracterizou pela resistência da esquerda, presente principalmente na arte e na cultura do país. A oposição ao golpe militar de 1964 veio através das manifestações culturais como teatro, cinema, música e outras formas de arte.
Essas manifestações culturais...
tracking img