Fisioterapia preventiva na saude do idoso

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1119 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
VI SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS INTEGRADAS DA UNAERP CAMPUS GUARUJÁ

Fisioterapia preventiva: Quedas em Idosos

Ana Paula Siqueira Docente do Curso de Fisioterapia Unaerp – Universidade de Ribeirão Preto – Campus Gaurujá anapsiquira@yahoo.com.br Bruno Soares Cazzaro Discente do Curso de Fisioterapia Unaerp – Universidade de Ribeirão Preto – Campus Guarujá bscazzaro@gmail.com Diego deOliveira Torres e Silva Discente do Curso de Fisioterapia Unaerp – Universidade de Ribeirão Preto – Campus Guarujá diegofisio_torres@hotmail.com

Resumo: A queda é um evento bastante comum e devastador em idosos. Embora não seja uma conseqüência inevitável do envelhecimento, pode sinalizar o início de fragilidade ou indicar doença aguda. Com isso a Fisioterapia Preventiva tem como objetivoorientar sobre o risco de quedas em idosos e assim prevenir suas ocorrências. Palavra Chave: quedas em idosos e prevenção de queda 1. Introdução: O que é queda: é o deslocamento não-intencional do corpo para um nível inferior à posição inicial com incapacidade de correção em tempo hábil, determinado por circunstâncias multifatoriais As quedas não acontecem simplesmente, e as pessoas não caem somenteporque ficaram idosas. Geralmente, há mais de uma causa ou fator de risco envolvido na queda. À medida que os fatores de risco aumentam, também eleva a probabilidade de quedas. Fatores que Influenciam alterações fisiológicas, que acontecem decorrente de mudanças do organismo como osteoporose, osteoartrose, diminuição da força muscular, diminuição da visão e da audição. 2. Incidência: Ocorrência dequedas por faixas etárias a cada ano: 32% em pacientes de 65 a 74 anos; 35% em pacientes de 75 a 84 anos; 51% em pacientes acima de 85 anos. 3. Fatores Fisiológicos: A Depressão, alterações neurológicas (Derrame Cerebral, doença de Parkinson e Mal de Alzheimer), disfunção urinária, uso controlado de determinadas drogas, câncer que afeta estrutura óssea, deformidades nos pés (unhas grandes, joanetese machucados) e o sedentarismo. 4. Fatores Ambientais: Ambientes internos com pouca iluminação, objetos espalhados pelo chão, piso escorregadio, móveis no caminho e com ponta, escadas, tapetes, armário muito alto ou muito baixo, ausência de corrimão em corredores e banheiros, fio espalhado pelo chão, vestimenta (roupas arrastando pelo chão) e cadeiras sem encosto. Pode ser um dos fatores que maisleva quedas em casa. Fatores de risco em ambientes externos como faixa de pedestre em dia de chuva, degrau em elevadores, degrau em escada rolante, degrau de calçada muito alto, paradas bruscas dos ônibus, cadeiras sem apoio, escadas sem corrimão, escadas com degrau muito alto, porta giratória, porta de vidro sem sinalização e sapatos sem antiderrapantes é um fator relevante quando se trata dequedas de idosos fora de casa.

5. Prevenção: No quarto procure colocar uma lâmpada, um telefone e uma lanterna perto de sua cama, durma em uma cama na qual você consiga subir e descer facilmente (cerca de 55 à 65 cm), dentro do seu armário, arrume as roupas em lugares de fácil acesso, de preferência evitando os locais mais altos, substitua os lençóis e o acolchoado por produtos feitos pormateriais não escorregadios como por exemplo algodão e lã, instale algum tipo de iluminação ao longo do caminho da sua cama ao banheiro, não deixe o chão do seu quarto desarrumado. Sala e corredor organizem os móveis de maneira que você tenha um caminho livre para passar sem ter que ficar desviando muito, instale interruptores de luz na entrada das dependências de maneira que você não tenha que andar noescuro até que consiga ligar a luz, ande somente em corredores, escadas e salas bem iluminadas e deixe sempre o caminho livre de obstáculos; Mantenha fios de telefone, elétricos e de ampliação fora das áreas de trânsito, mas nunca debaixo de tapetes, não sente em uma cadeira ou sofá muito baixo, porque o grau de dificuldade exigido para se levantar é maior, sendo que estes devem ser confortáveis...
tracking img