Fisiologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1297 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O início da lactação se dá com a produção de leite, que ocorre nos alvéolos das glândulas mamárias. O leite sai dos alvéolos e caminha até o mamilo através dos ductos lactíferos.

O estrogênio associado aos hormônios da tireóide, os corticosteróides adrenais e a insulina fazem com que haja o desenvolvimento das mamas. Este desenvolvimento vai ser acentuado através da ação da progesterona, quetambém produz a proliferação dos ductos.

Durante a gravidez, há a necessidade de uma proliferação dos alvéolos e dos ductos para a lactação. Isto ocorre devido à ação dos hormônios progesterona e estrogênio.

A prolactina aumenta homogeneamente durante a gravidez, e é aumentado após o parto e durante a lactação. A prolactina é inibida pela presença do estrogênio e da progesterona, ao final dotrabalho de parto há queda no nível desses hormônios possibilitando o aumento da prolactina e, assim, o início da produção do leite.

A sucção do recém nascido é o responsável pela secreção de prolactina. Isso acontece porque quando o bebê faz sucção nos mamilos, estimula o hipotálamo a secretar fator liberador da prolactina, mantendo seus níveis e, conseqüentemente, a produção do leite. Essaprodução só reduzirá ou estancará completamente se a mãe não amamentar seu filho.

A sucção do mamilo também estimulará a produção de ocitocina pela hipófise anterior. Esse hormônio desempenha importante papel na lactação, pois ele é o responsável pela ejeção ou “descida do leite” dos alvéolos mamários aos mamilos. Isso ocorre porque a ocitocina secretada pela hipófise cai na corrente sangüínea eirá promover a contração da musculatura lisa ao redor dos alvéolos, promovendo a descida do leite até os mamilos.

O leite só é produzido após o primeiro dia, sendo a secreção das primeiras horas após o parto o colostro, líquido aquoso, amarelado, que contém anticorpos maternos que irão proteger o bebê ao longo da sua vida extra-uterina.

2. O PAPEL DOS HORMÔNIOS NA LACTAÇÃO:


A glândulamamária é um tecido especializado e adaptado morfo-fisiologicamente para prover alimento às crias que nascem em total estado de dependência da mãe, ela mediante secreção, conhecida como leite, entrega à cria um produto balanceado que garante a vida do neonato. Essa característica nos mamíferos faz alguns pesquisadores consideram as glândulas mamárias um órgão reprodutivo anexo, dado que é atravésda sua secreção que garante a nutrição básica para continuarem o seu desenvolvimento extra-uterino.

A reprodução e lactação são partes do mesmo processo, onde a fisiologia da lactação está relacionada com a fisiologia dos processos reprodutivos. A maior parte do processo de desenvolvimento estrutural da glândula mamária ocorre durante a gestação, desenvolvendo, nesta fase, duas tarefasindependentes e sinérgicas. Por um lado fornece provem as necessidades básicas do feto na fase intra-uterina e por outro desenvolve a glândula mamária que garantirá o alimento ao recém nascido.

Alguns hormônios que são responsáveis pela gestação também desenvolvem a glândula mamária (mamogênese) e próximo ao parto é iniciada a função secretora por parte da glândula (lactogênese).

2.1 DESENVOLVIMENTODAS MAMAS:

As mamas começam a se desenvolver na puberdade com o estímulo do estrogênio dos ciclos sexuais mensais da mulher adulta. O estrogênio estimula o crescimento da glândula mamária e a deposição de gordura para dar massa às mamas. Durante a gravidez as mamas tem um crescimento ainda maior em função dos altos níveis de estrogênio.




As glândulas mamárias podem ser comparadas ao umcacho de uvas, onde os ductos seriam os talos (porção anterior na figura em cor vermelha) e os lóbulos e alvéolos as uvas (porção posterior, ramificações demonstrada em rosa na figura).

2.1.1. CRESCIMENTO DO SISTEMA DOS DUCTOS – PAPEL DOS ESTROGÊNIOS:

A enorme quantidade de estrogênio secretado pela placenta, durante a gravidez, promovem um desenvolvimento ainda maior das mamas, aumentando...
tracking img