Fisiologia do exercicio

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (447 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
O efeito do treinamento anaeróbio pode ser decorrente de alterações morfológicas, fisiológicas ou psicológicas crônicas (Foss, M. L. & Keteyian, S. J., 2000). As adaptações metabólicas que acompanhamo treinamento, exigem um alto nível de metabolismo que produzem alterações específicas nos diferentes sistemas de transferência de energia. Em decorrência do treinamento anaeróbio os músculosesqueléticos, resultantes do treinamento anaeróbio, apresentam maiores capacidades do sistema ATP-CP e da glicose anaeróbia em gerar ATP.  Isso se dá com um aumento nos níveis de substratos anaeróbios emrepouso que indicam um aprimoramento da força muscular (com aumentos significativos de ATP e CP, creatina livre e glicogênio). Em decorrência dessas alterações, também há um aumento na quantidade e naatividade das enzimas-chave que controlam a fase anaeróbia do fracionamento da glicose, bem como o treinamento pode ocasionar aumentos significativos no tamanho das fibras musculares de contração rápida(Mcardle, Katch & Katch, 1998). Sob o ponto de vista enzimático, segundo Staudte (1973) e Thorstenson (1975) citado por Piovezan (1985), o treinamento altera várias enzimas-chave do sistema ATP-CP,entre elas ATPase, mioquinase e creatina-cinase. Sobre o sistema ATP-CP, Hultman (1967) citado por Piovezan (1985) demonstrou que concentrações musculares de ATP e CP nas mulheres são as mesmas doshomens, cerca de 4mM/Kg de músculo para ATP e 16mM/Kg de músculo para CP. Devido a uma menor massa muscular esquelética total na mulher existe menos fosfagênio total disponível para ser usado durante oexercício. As alterações decorrentes da preparação física anaeróbia, em conjunto conduzem ao aprimoramento da potência anaeróbia máxima incluindo não só a melhora das vias energéticas solicitadas mastambém o recrutamento de unidades motoras (Mcardle, Katch & Katch, 1998). Episódios repetidos de esforço máximo (seis segundos) poderiam aumentar a força muscular, mas também contribuem pouco para os...
tracking img