Fisiologia. botox.

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (272 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
1 INTRODUÇÃO


A toxina botulínica é uma neurotoxina produzida pela mesma bactéria que causa intoxicação alimentar, o Clostridium botulinum. Embora sejauma substância altamente tóxica que afeta o sistema nervoso causando paralisia e morte, a toxina botulínica é usada há muitos anos por especialidades médicas.
No final da década de 60, ooftalmologista americano Alan B. Scott, que buscava alternativas para o tratamento não cirúrgico do estrabismo, obteve do Dr. Edward J. Schantz, amostras da toxina botulínica tipo A paratestá-la em músculos extra-oculares de macacos. E em 1973 foi confirmado que a toxina botulínica tipo A poderia ser usada como uma alternativa eficaz para o tratamento não cirúrgico doestrabismo. Ainda na década de 70 Ele descobriu que o produto, quando injetado, relaxava os músculos. Deduziu então que uma aplicação local, em determinados músculos interrompiamomentaneamente o movimento muscular anormal e, dessa forma, corrigia o problema.


2 OBJETIVO


Após estudo, deveremos saber como ocorre quando a Toxina Botulínica éinjetada no tecido muscular.


3 RESULTADOS

Os resultados da aplicação podem ser vistos de 4 a 5 dias, e duram de 2 a 3 meses em media.


4 CONCLUSÃO


Quando emcontato com o tecido muscular, a Toxina Botulínica bloqueia a liberação da acetilcolina (neurotransmissor responsável por levar as mensagens elétricas do cérebro ao músculo) assim,interferindo seletivamente na capacidade de contração da musculatura e, por isso, as linhas de expressão são suavizadas. Embora a ação da toxina seja irreversível, o neurônio invadidopela toxina, após determinado período de tempo é reativado, visto que há uma certa regeneração neuronal (geração de novos terminas que reinervam a estrutura afetada).
[pic]
tracking img