Fisio aquatica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3495 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1INTRODUÇAO


O Presente trabalho “Exercícios Aquáticos Terapêuticos para membros inferiores – com ênfase no joelho” tem como objetivo destacar as alterações que afetam essa articulaçãoque é considerada uma das maiscomplexas, sendo extremamente exigida devida sua grande importância em todos os movimentos, consequentemente ocasionando muitas lesões. O desgaste dessa articulação, obviamente,faz parte do processo de envelhecimento normal, entretanto existem varias patologias que causam alterações que chegam muitas das vezes a provocar certas degenerações.
Sendo uma das articulações mais importantes do corpo humano importantíssima para realização de boa parte das atividades desenvolvidas diariamente, juntamente com o quadril e o tornozelo, a articulação do joelho suporta o corpoquando se está em pé, representando uma unidade funcional primária para atividades de andar, subir e sentar. Serão abordadas as principais patologias bem como suas características e o tratamento aquático para priorizar exercícios para o fortalecimento dos músculos de toda a região do joelho e aumentar a amplitude de movimento do paciente, procurando obter uma melhora do quadro clinico.2ESTRUTURAS ANATOMICAS DO JOELHO


De acordo com Danielle Cristina Guizan Rodrigues et al, o joelho é composto de duas articulações distintas: uma entre o fêmur e a tíbia chamada de tibiofemoral e outra entre o fêmur e a patela denominada patelofemoral. Além de possuir ligamentos que dão mais estabilidade: ligamento colateral lateral, ligamento colateral medial, ligamentocruzado anterior (LCA) eligamento cruzado posterior (LCP).
Sendo uma estrutura muito complexa, que realiza movimentos de extensão e flexão envolvem vários músculos e tendões a fim de proporcionar uma maior estabilidade, tanto para a articulação quanto para o corpo como um todo. Essa estabilidade pode ser conferida diretamente pela força e pelas ações dos músculos adjacentes, dos tendões e dosligamentos que conectam o fêmur, a patela (articulação patelofemoral) e a tíbia (articulação Tibiofemoral). Juntos, estes são os três principais ossos desta articulação.


2.1 CARACTERÍSTICAS DA PATELOFEMORAL


Conforme Danielle Cristina Guizan Rodrigues et al, a patela é um grande osso sesamóide ligado ao tendão do quadríceps. Articula-se com a linha intercondilar (troclear) na face anteriore distal do fêmur.



2.1.2 SUPORTE DA PATELOFEMORAL


SegundoDanielle Cristina Guizan Rodrigues et al, o principal suporte da articulação patelofemoral,como envolve um osso sesamóide,é conferido pelo próprio tendão patelar (quadriciptal). Inferiormente é ligada à tíbia pelo ligamento patelar. A patelofemoral é cercada por inúmeras bolsas sinoviais.
2.1.3 CARACTERÍSTICA DATIBIOFEMORAL


Conforme Danielle Cristina Guizan Rodrigues et al, essa articulação é do tipo dobradiça biaxial modificada com dois meniscos interpostos. Em que parte óssea convexa é composta por dois côndilos assimétricos na extremidade distal do fêmur. O côndilo medial é maior que o lateral, o que contribui para o mecanismo de trava do joelho. E a parte óssea côncava é composta de dois platôstibiais com seus respectivos meniscos fibrocartilaginosos.



2.1.4 SUPORTE DA TIBIOFEMORAL


De acordo Danielle Cristina Guizan Rodrigues et al, o joelho é estabilidade antero posterior é conferida pelos ligamentos intracapsulares: cruzado anterior e cruzado posterior. Já estabilidade latero-lateral é conferida pelos ligamentos colaterais (medial e lateral). E a presença dos meniscosmelhora a congruência das superfícies articulares. Eles são inseridos na cápsula articular pelos ligamentos coronários.



2.1.5 MOVIMENTOS E OS MÚSCULOS DA ARTICULAÇÃO DO JOELHO

Conforme Danielle Cristina Guizan Rodrigues et al, os movimentos que o joelho
realiza são essenciais para realizar diversas atividades.

Flexão do joelho: bíceps femoral, semitendinoso, semimembranoso,...
tracking img