Finanças comportamentais

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 15 (3588 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de abril de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
RESUMO

O trabalho teve como foco a compreensão das Finanças Comportamentais, sua evolução, principais características e aplicação no contexto brasileiro. O objetivo é trazer à tona esse novo assunto, tão discutido internacionalmente, mas com baixa repercussão no Brasil.
Como metodologia, foi utilizado o levantamento bibliográfico, ou seja, uma reformulação coerente das idéias deautores consagrados que escreveram sobre o tema. Este trabalho não tem intenção de apresentar resultados, mas expor o que vem sendo estudado e publicado nesse ramo complexo e polêmico das Finanças. O grande desafio está em esclarecer o assunto, decifrando-o de forma clara.
A discussão a respeito do tema ainda está longe de ser resolvida, os estudos a seu respeito cresce continuamente no meio acadêmico.As mudanças que este modelo propõe são expressivas e relevantes, pois envolve diretamente os profissionais que lidam com este tipo de assunto diariamente e pode mudar substancialmente o modelo vigente.

1. Introdução: Panorama do Estudo

Este estudo teve como objetivo a compreensão das Finanças Comportamentais, através de levantamento bibliográfico. A dificuldade para encontrarmaterial para a análise foi significativa. No mercado brasileiro a publicação de livros relacionados ao tema está apenas começando, nas bibliotecas, o tema ainda é novidade, e assim sendo, direcionei minha busca para arquivos na internet, artigos, livros e revistas. Na maioria das vezes, os autores teimam em repetir a dissertação de textos já consagrados no assunto.
Consultando os meios de mídia citadosanteriormente, foi possível encontrar relações de publicações para a pesquisa, principalmente em universidades norte-americanas e francesas, onde os estudos neste ramo vêem crescendo rapidamente.
A intenção, portanto, é entender e relatar o conceito e as novidades publicadas com relação a esse assunto tão polêmico das Finanças, e a despeito da dificuldade de literatura e informação, reunir deforma adequada um relato desse novo campo que vem sendo estudado cada vez mais.

2. Princípio dos Estudos

Segundo Hersh SHEFRIN e a maioria dos estudiosos no assunto, Phil COOLEY foi um dos primeiros pesquisadores a aplicar as descobertas dos psicólogos e estudar as atitudes de risco de administradores de portfolio, publicando seu trabalho em 1977 no ‘Journal of Finance’. Na verdade,muitas das contribuições para as Finanças Comportamentais, apareceram em jornais acadêmicos.
Em 1993, Richard THALER agrupou algumas das pesquisas mais proeminentes em um artigo. Peter BERNSTEIN proveu perspectiva histórica descrevendo as principais teorias desenvolvidas sobre Finanças Comportamentais.
Diferentemente da maioria dos autores, Tony BRABAZON, da Universidade de Limerick, dizque o campo das Finanças Comportamentais não é novo, segundo ele, muitos investidores há tempos consideram que a psicologia é uma chave importante para determinar o comportamento dos mercados. No entanto, apenas em tempos recentes, o tema está sendo abordado com maior cuidado e dedicação.
Segundo BRABAZON, a eficiência do Modelo Moderno de Finanças para explicar o comportamento do mercado causouum crescimento e um desenvolvimento muito pequenos das Finanças Comportamentais ao longo da década de 80, acarretando um certo desprezo do meio acadêmico por este ramo. No final da década de 80 e no começo da década de 90, o modelo vigente começou a apresentar sinais de desgaste, com a percepção de que o modelo não englobava anomalias do mercado financeiro, cada vez mais freqüentes. Nesta época,o estudo das Finanças Comportamentais ganhou adeptos e estudiosos e pôde concretizar seus conceitos, que serão citados mais adiante.

3. Definição

Apesar das diversas definições das Finanças Comportamentais há uma razoável concordância entre elas. LINTNER define como sendo “... o estudo de como os investidores interpretam e agem de acordo com a informação para fazer decisões de...
tracking img