Fim do nazismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (362 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Os grande líderes, quando morrem, sepultam também os regimes que implantaram. O nazismo teve seu fim com a tomada de Berlim e o suicídio de Hitler em 1945. O exército vermelho dos soviéticos chegaramaté a capital alemã primeiro do que os outros aliados. Com a Alemanha derrotada, restava agora provocar a rendição do Japão.
Mas até hoje existe o partido nazista na Alemanha e células extremistasque pregam a deportação dos turcos da Alemanha sob a alegação de que eles tiram os empregos dos alemães e outras bobagens.
Pois é, resquícios das malditas idéias nazistas sobreviveram à SegundaGuerra.
Na Europa, 8 de maio é considerado como “O Dia da Vitória”, sobretudo na Alemanha, pois desde 1945, a data é lembrada pelos alemães como o “dia da libertação”, onde ocorreu oficialmente à rendiçãoincondicional da Alemanha, pondo fim à 2ª Guerra Mundial e do Império Nazista.
O Partido Nacional-Socialista, em sua origem era uma simples doutrina socialista alemã e, existe tese, tendo em vista orevestimento de sua composição para os povos, em nada se parecia com os massacres ocorridos em nome do “Socialismo”. Na verdade, o movimento Nazista, como hoje conhecemos, foi criado com um evidenteestigma social que desabou com o desenvolver dos reais propósitos de seu fundador, Adolf Hitler, tornando-se rapidamente um partido que pregava anti-semitismo, racismo e segregação de povos.
Mesmodiante das eminentes derrotas, a Alemanha nazista não se rendia, pelo contrário, a imprensa ainda afirmava que apesar das derrotas, a vitória final seria da Alemanha. Tribunais nazistas obrigaram apopulação civil a lutar, em vão, pois em 25 de abril de 1945, Berlim já estava totalmente cercada por tropas soviéticas. Em 30 de abril, ao ver seu império sendo desmoronado, Hitler e sua esposa EvaBraun, cometeram suicídio no Fuhrerbunker, esconderijo militar de Hitler em Berlim, e mesmo assim, Hitler não demonstrou arrependimento ou descrença em sua ideologia nazista, tendo afirmado inclusive em...
tracking img