Filosofia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2377 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
|



 Análise de artigo


Esta atividade envolve a leitura e interpretação de um trecho de uma tese de doutorado sobre Teoria do conhecimento e Ceticismo. O texto se relaciona a dois assuntos que você estudou em seu livro didático:

- Os argumentos céticos de Descartes acerca da dúvida sobre a existência do mundo exterior.

- A filosofia da linguagem comum de John Austin.


Passo 1Leia abaixo os trechos selecionados do texto Austin e a noção de alternativas relevantes, escrito por Flavio Williges em sua tese de doutorado pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul.



Passo 2

Com base nos conteúdos de nosso LD listados acima e na leitura do texto, desenvolva a seguinte atividade:

Em determinado momento do texto, o autor analisa a atitude de Austin emrelação à filosofia cartesiana e se refere ao “cenário cético” presente nas Meditações. Elabore uma resposta dissertativa (8 a 10 linhas) para cada uma das seguintes questões:


A) Quais são os argumentos que permitem a Descartes invalidar a percepção sensível como fonte de um conhecimento seguro em suas Meditações? Para responder a esta questão você deve pesquisar em seu livro didático e, depreferência, ler as duas primeiras Meditações. Este texto está disponibilizado na internet, veja o endereço de acesso no Saiba Mais do EVA. (3,0 pontos)


B) De acordo com o texto, distinguindo entre dois padrões diferentes de racionalidade Austin se afasta do problema cético do mundo exterior descrito nas Meditações. Explique quais são estes “padrões de racionalidade”, qual deles Austin adotapara a sua filosofia da linguagem comum e porquê. (3,0 pontos)


C) As reflexões de Austin sobre os problemas céticos geralmente são classificadas como uma filosofia do senso comum. Explique porque e cite uma passagem do texto que justifique a sua resposta. (4,0 pontos)







Austin e a noção de alternativas relevantes

Flavio Williges


O interesse de Austin porproblemas epistêmicos teve como ponto de partida um estudo sistemático do uso dos termos da linguagem natural, a linguagem utilizada em contextos corriqueiros, contextos de fala cotidianos. “Sua abordagem foi que o modo de testar um argumento filosófico sobre a natureza e extensão do conhecimento consistia em avaliar quão fiel esse argumento é às nossas práticas ordinárias: para o que nós dizemos efazemos e pensamos ser correto dizer e fazer na vida comum” (KAPLAN, 2008, p. 349).
Tal orientação possui consequências importantes para o tratamento dos problemas filosóficos, particularmente do conceito de conhecimento. A mais marcante dessas consequências diz respeito à interpretação de nossa susceptibilidade ao erro, das coerções que nossas práticas cotidianas impõem para que umapossibilidade de erro possa ser aceita como um desafio legítimo às nossas pretensões de saber. Austin reconhece que, por mais cuidadosa que seja nossa tentativa de fazer asserções que tenham como alvo a verdade, sempre será possível localizar deficiências e juízos terão de ser refeitos. Nossos erros não são simplesmente erros de omissão. Mesmo quando seguimos os melhores métodos de justificação disponível,podemos errar. O saber é constitutivamente um empreendimento de risco. Nesse sentido, ele parece considerar que no conhecimento, como em outras partes da vida, estamos “num mundo sem garantias”, “um mundo esburacado”, como afirmou certa vez Dretske em referência aos conceitos absolutos de Unger. Mas isso não quer dizer que o erro seja o único resultado de nosso envolvimento com as coisas. Boaparte da epistemologia de Austin é devotada à tarefa de mostrar que nossa susceptibilidade ao erro tem sido sistematicamente mal interpretada pelos filósofos. Filósofos frequentemente tomam o risco do erro como um pretexto para negar a existência do conhecimento, como se errar fosse um defeito humano congênito (AUSTIN, 1979, p. 98). Como afirmou Williams, “não podemos argumentar da possibilidade...
tracking img