Filosofia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1067 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
René Descartes. A dúvida metódica e o acesso á certeza
No seculo XVII alguns filósofos foram confrontados com a necessidade de pensar as propostas do conhecimento. Na altura havia vários filósofos ceticos, ou seja, negavam a possibilidade do conhecimento. Criou-se uma questão, “será que sabemos o que julgamos saber?”, em que Descartes se baseou para escrever varias obras, sendo uma das maiscelebres o Discordo do Método, onde explicou o modo como utilizou metodicamente a duvida ate encontrar o fundamento irrefutável que fosse capaz de resistir aos argumentos ceticos.. O racionalismo privilegia o pensamento lógico como forma de explicação da realidade. O racionalismo de Descartes levou-o a uma dúvida em relação ao mundo e tudo o que dele faz parte. Iniciou a procura de um ponto de partidasobre o qual possa fundar sua filosofia, busca uma verdade que não possa ser questionada como tal,  um princípio que possa lhe dar uma certeza inquestionável. Assim pensando ele cria a dúvida metódica, a partir do qual ele duvida de tudo, inclusive da própria existência e de todas as percepções dos seus sentidos. Todas as minhas sensações podem estar me enganando, como me engano quando sonho eacredito que o sonho é realidade.
Até as verdades matemáticas podem nos enganar, pois podem ser ilusões criadas por um demônio, com o objetivo de me levar ao erro no agir, falar ou pensar.
E é justamente no grau máximo da dúvida que Descartes encontra a sua primeira verdade inquestionável, enquanto duvido de tudo não posso duvidar que esteja duvidando, eu sou algo que duvida, sou algo que pensa nadúvida, sou algo que existe por pensar, se penso, logo existo.
Na sequência o filósofo procura fundamentar outras verdades através da verdade da existência por pensar. O nosso pensamento é imperfeito, mas somente pode ter sido criado por um ser perfeito que é Deus. Deus sendo perfeito não pode querer nos enganar em relação às nossas sensações e se as nossas sensações também são verdadeiras, omundo exterior existe e é conforme nós o sentimos e intuímos.
Descartes cria um método para bem conduzir nossos pensamentos. Para alcançar a verdade devemos seguir os seguintes princípios: Princípio da evidência, não admitir algo como verdadeiro se não tivermos evidências suficientes para considerar como tal. Princípio da análise, dividir os problemas em tantas partes quanto forem possíveis paraque melhor possam ser resolvidos. Princípio da síntese, estabelecer uma ordem de relação entre nossos pensamentos, solucionando primeiro as questões mais simples e depois as mais complexas. E o princípio de controlo, fazer constantes revisões de todo processo para ter certeza de que nada foi omitido.
São também verdades nossas ideias inatas, como as matemáticas, pois nos foram dadas por Deus. E éno método matemático que ele vai fundamentar a ciência para conhecer e modificar o mundo. O mundo é uma variação de formas, tamanhos e movimentos da matéria e essas variações podem ser quantificadas e entendidas pela matemática através também da geometria.
Fica, então, claro que só a razão pode dar acesso ao conhecimento verdadeiro.

David Hume. A sensação como origem do conhecimento
impressõese ideias
Partindo do ponto inicial do conhecimento empirista na visão de David Hume, ele começa falando acerca da perceção que para ele se divide em duas: as impressões e as ideias.
Estas diferem-se de forma qualitativa: as impressões são mais vividas e intensas do que as ideias. As perceções mais intensas ou vivas que na nossa língua podem ser traduzidas por Impressões, tais como ouvir, ver,sentir, amar, odiar, desejar e querer. As ideias são perceções que constituem o nosso pensamento, como por exemplo, quando alguém cria a ideia de como seria um novo emprego, um novo amor, usa as lembranças do antigo emprego, do antigo amor, pois estes fatos vividos é que dão origem a ideia ou imaginação. Para esclarecer a relação que existe entre impressões e ideias, Hume propõe o principio da...
tracking img