Filosofia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1169 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Atividade da aula 01
Por que dizemos que o objetivo dos primeiros filósofos era construir uma cosmologia que substituísse a antiga cosmogonia? Nesta atividade é para desenvolver de acordo com a leitura feita em aula, podendo ser pesquisados em outros materiais. (mínimo de linhas 08). Metodologia: tamanho da fonte 12, tipo de letra Time New Roman, cor do texto preta, o texto não pode ser emnegrito, itálico e em caixa alta. O texto deve ser formatado de acordo com as normas da ABNT.


A filosofia, ao nascer, teve definida a sua busca: uma explicação racional sobre a origem e ordem do mundo, o kósmos (cosmos). Por tal motivo os primórdios da filosofia grega são considerados de caráter cosmológico. Os primeiros filósofos se ocuparam principalmente de indagações a respeito do mundo aoseu redor, que também envolviam a percepção do lugar do homem nele. Essa busca trouxe à luz uma divergência entre a ciência e o senso comum.
O objetivo dos primeiros filósofos era construir uma cosmologia (explicação racional e sistemática das características do universo) que substituísse a antiga cosmogonia (explicação sobre a origem do universo baseada nos mitos).
Em outras palavras, osprimeiros filósofos queriam descobrir, com base na razão e não na mitologia, o princípio substancial (a arché) existente em todos os seres materiais.
Os pré-socráticos ocuparam-se em explicar o universo e examinavam a procedência e o retorno das coisas.
Para tanto, procuraram um princípio a partir do qual se pudesse extrair explicações para os fenômenos da natureza. Um princípio único e fundamentalque permanecesse estável junto ao sucessivo vir-a-ser.


Atividade da aula 02
Desenvolva um texto caracterizando as quatro causas de Aristóteles. Nesta atividade é para desenvolver um texto com todos os elementos compostos nas quatro causas. Não podem ser separados os tópicos. (mínimo de linhas 08). Metodologia: tamanho da fonte 12, tipo de letra Time New Roman, cor do texto preta, o textonão pode ser em negrito, itálico e em caixa alto. O texto deve ser formatado de acordo com as normas da ABNT.


Para Aristóteles uma coisa é o que é devido a sua forma. Como, porém, o filósofo entende essa expressão? Ele compreende a forma como a explicação da coisa, a causa de algo ser aquilo que é, na verdade, Aristóteles distingue a existência de quatro causas diferentes e complementares:• A causa material (aquilo do qual é feita alguma coisa, a argila, por exemplo);
• A causa formal (a coisa em si, como um vaso de argila);
• A causa eficiente (aquilo que dá origem ao processo em que a coisa surge, como as mãos de quem trabalha a argila);
• A causa final (aquilo para o qual a coisa é feita, cite-se portar arranjos para enfeitar um ambiente).
Embora Aristóteles não sejamaterialista (vimos que a forma não é a matéria), sua explicação do mundo, está no próprio mundo. Finalmente, para o filósofo, a essência de qualquer objeto é a sua função. As Quatro Causas consistem em quatro leis necessárias ao raciocínio para acompanhar o processo de modificação dos seres, a fim de estudar-lhes as partes que possibilitam a formulação lógica de uma definição. Nesse caso, aformulação de uma definição articula a pergunta "O que é isto?", que requer uma resposta do tipo "isto é isto", identificando o gênero do assunto estudado.







Atividade da aula 03
Escolha um todos filósofos estudados nesta aula e construa uma reflexão sobre o pensamento do mesmo. (mínimo de linhas 10). Metodologia: tamanho da fonte 12, tipo de letra Time New Roman, cor do texto preta, otexto não pode ser em negrito, itálico e em caixa alta. O texto deve ser formatado de acordo com as normas da ABNT.


Georg Wilhelm Friedrich Hegel, o último filósofo clássico famoso, autor de um esquema dialético no qual o que existe de lógico, natural, humano, e divino, oscila perpetuamente de uma tese para uma antítese, e de volta para uma síntese mais rica.
Este filósofo acreditava no...
tracking img