Filosofia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (442 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
dade Média - Problemas religiosos Queda do Império romano - a igreja assume o papel das instituições públicas. As altas esferas da hierarquia católica abusaram dos privilégios conquistados pelo vastoImpério Territorial. Doações de fiéis eram feitas na expectativa de conseguir perdão de seus pecados. O clero católico aproveitava-se da crença para usufruir do poder político. O PENSAMENTORENASCENTISTA Influenciou a reforma religiosa, propondo a valorização do homem (antropocentrismo) Os pensadores renascentistas entraram em confronto com o pensamento dogmático da Igreja. O Renascimentorepresentou um distanciamento das pessoas em relação aos dogmas e facilitou o surgimento de novas religiões com a Reforma. A REFORMA LUTERANA Martinho Lutero, alemão professor de teologia, passou a afirmarque as indulgências não redimiam os pecados, as doações à Igreja não eram garantia de salvação. O arrependimento sim.Essa afirmação entrou em colisão com a mentalidade do clero. Condenou as atitudesdevassas dos padres que não respeitavam o voto de castidade e usavam o prestígio da Igreja para submeter homens e mulheres aos seus interesses sexuais. Revoltou-se contra a corrupção dentro da Igreja. Adoutrina Luterana pregava que: a salvação se dá unicamente pela fé, a interpretação da Bíblia é livre, são necessários apenas dois sacramentos, o batismo e a eucaristia. A submissão da Igreja aoestado. Perseguido ele continuou a difundir sua doutrina porque teve o apoio da nobreza alemã. O Império alemão, diante da recusa de Carlos V em oficializar o luteranismo, formou uma confederação depríncipes para protestar, daí o surgimento dos “ protestantes”. A REFORMA se espalhou pela Europa, na Inglaterra os padres foram classificados como “a classe vadia”. Lá ocorreu a Reforma Anglicana, seuestabelecimento foi acompanhado de lutas sangrentas, perseguições e execução de quem não queria se converter. A CONTRA- REFORMA Em 1538 o Papa Pulo III inicia a reação católica contra a Reforma...
tracking img