Filosofia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3841 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de abril de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]

Filosofia da antiguidade – Pré socrático- Sócrates

A filosofia para se “decifrar” a sociedade e o mundo em que se vive. E as principais características da filosofia.

A filosofia é a desbanalização do banal do mundo. É a busca pelo conhecimento ultimo e primordial a sabedoria total.

Nada escapa à investigação filosófica. A amplitude de sue objeto de estudoé tão vasta, que foge a compreensão de muitas pessoas, que chegam a pensar ser a filosofia uma atividade inútil. Além disso, seu significado também é muito distorcido no conhecimento popular, que muitas vezes a reduz a qualquer conjunto simplório de idéias especificarem as filosofias de vida ou basicamente a um exercício poético.

Entretanto como sendo praticamente o ponto de partida detoso o conhecimento humano organizado, a filosofia estudou tudo o que pode estimulando e produzindo os mais vastos campos do saber, mais diferente da Ciência, a filosofia não é empírica, ou seja, não faz experiência. Mesmo porque geralmente seus objetos de estudo não são acessíveis ao empirismo. A razão e a Instituição são os principais ferramentas da filosofia, que tem como fundamento acontemplação, o deslumbramento pela realidade, a vontade de conhecer, e como método primordial a religiosidade do raciocínio, para atingir a estruturação do pensamento e a organização do saber.

É impossível ao homem negar o valor e a importância da filosofia ou pensar humano. Na verdade todos nós filosofamos ao defender nossas idéias. Os filósofos convivem conosco, estão presente em nosso dia-a-dia enas mais diversas forma, desde um pensamento até mesmo na materialização deste. A civilização da maquina em que vivemos é nada mais que o fruto de pensamento filosófico posto em pratica. E como o pensamento, filosofia influencia o mundo, e não podemos influenciar, hoje vista o fardo de sermos seres racionais, cognitivos e portadores da capacidade de captar e criar pensamentos, teorias, somostambém responsáveis, com seres providos de intelecto, por sabermos julgar e selecionar o que nós é propícios e colocá-los em pratica em nosso dia-a-dia, nos tornando assim seres pensantes em busca de uma sociedade mais humana e igualitária. Influenciado pelo pensar filosófico, façamos nossa parte na transformação do mundo. Afinal “O mundo precisa de filosofia”.

A filosofia transfere ao ServiçoSocial a utilização de método dialético, no qual analisamos e podemos observar assinto da sociedade.

FILOSOFIA NO RENASCIMENTO

O Renascimento está registrado entre a passagem da Idade Média para a Idade Moderna, onde podemos destacar desse período a redescoberta de textos da antiguidade, o qual contribuiu para que o interesse filosófico passasse dos estudos técnicos de lógica,metafísica e teologia e se enfocasse para estudos variados nas áreas da filologia, da moralidade e do misticismo. No que tange aos estudos dos clássicos e das letras, há registros que estas receberam uma ênfase inédita e desenvolveram-se de modo independente da escolástica tradicional.
No renascimento a produção e disseminação do conhecimento e das artes deixam de ser exclusivo dasuniversidades e dos acadêmicos profissionais, o que contribuiu para que a filosofia fosse se desprendendo da teologia, ou seja, o conceito de homem assumiu o centro das ocupações artísticas, literárias e filosóficas, no lugar de Deus e da religião.
Esse período fora marcado ainda pela reinterpretação da natureza, que passou a ser analisada sob um novo ponto de vista, qual seja: “natureza como umtodo orgânico, sujeito à compreensão e influência humanas”, através dos trabalhos de Nicolau de Cusa, Giordano Bruno, Bernardino Telesio e Galileu Galilei.
Esse novo modo de ver a natureza é acompanhado, em alguns casos, de um intenso interesse por magia, hermetismo e astrologia - considerados como instrumentos de entendimento e manipulação da natureza.
Por fim, outro destaque que...
tracking img