Filosofia e etica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1233 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
ATIVIDADE 1
1) Com base no texto apresentado, qual o motivo prático que levou os gregos a inventarem a filosofia, uma forma de saber que pretende ser neutra, objetiva, universal, única, distinta da religião e do senso comum?
2) Procure descrever o que se entende por filosofia no senso comum. Pergunte a algumas pessoas conhecidas, e verifique qual a diferença com o conceito que os gregosderam à filosofia.
3) Qual a comparação que podemos fazer entre a filosofia e a ciência moderna, que também defende, tantas vezes, a neutralidade e a objetividade?
4) Identifique as grandes características de cada período histórico da filosofia, tendo por base a ideia de que os antigos são fisiocêntricos, os medievais são teocêntricos e os modernos são antropocêntricos.
5) Em que medidapoderia dizer que hoje em dia há pessoas que vivem de modo antigo, de modo medieval, ou de modo moderno? Faça-o com exemplos.
6) Há diferença entre o conceito kantiano de modernidade, apresentado ao falar de Iluminismo, e o conceito que normalmente temos de modernidade? Qual é a diferença?
7) Falamos cada vez mais em “crise da modernidade”, ou em “pós- modernidade”? O que se pode entendercom essas expressões? De que forma elas mostram algo que se percebe como presente na vida prática das pessoas?
RESPOSTAS
1. O desenvolvimento da racionalidade por parte dos gregos e o surgimento da necessidade de se fazer um analise logica de maneira sistemática, cominou em um conjunto de ações e comportamentos de caratês e intelectual por parte dos gregos, que por fim deu origem a filosofiaque proporcionou a ascensão da capacidade humana de pensar e questionar o mundo e a natureza a sua volta em buscar de respostas logicas que explicassem os fenômenos naturais.
2. É um conhecimento oriundo das experiências de determinados grupos, um tipo de conhecimento acumulado no cotidiano que não necessariamente necessita de uma investigação detalhada, cientifica para ser provada.
Adiferença da filosofia de senso comum para a dos gregos é que não necessariamente precise de uma comprovação cientifica.
3. A ciência moderna se baseia no método de investigação, observação e experimentação sistemática.
Já a filosofia em si, tem como base a RAZÃO, para a explicação de tudo.
4. Filosofia Antiga; do séc.VI a. C até o séc.V d. C. É dividida em três períodos;
PeríodoPré-socrático ou Cosmológico: Em que a filosofia se ocupa principalmente com a origem do mundo e as causas das transformações da natureza;
Período Socrático ou Antropológico: Ocorrido entre o final do séc. V até o final do séc. IV a.C., cujas figuras principais são Sócrates, Platão e Aristóteles, em que o objeto de estudo da filosofia passa a ser o homem, sua vida política e moral, e sua capacidade de conheceras coisas;
Período Helenístico ou Greco-romano: Entre o final do Século III a. C até o séc. II d. C, quando começa a consolidar-se a supremacia da visão cristã, sobretudo com o pensamento de Santo Agostinho. Neste período, deixa-se de acreditar em soluções mais coletivas para a vida humana e se começa a introduzir uma saída individual, consolidando-se uma nova ética e uma política que deixa deser vista como boa.
É o período em que predominam as doutrinas dos estoicos, dos epicuristas e dos céticos. Neste período, as doutrinas filosóficas helenísticas deixaram de ter sua sede em Atenas, e Roma passara a ser o lugar em que tais doutrinas continuaram consolidando-se e modificando-se.
Filosofia Medieval; Filosofia Medieval: do Século V d. C. até o séc. XIV ou XV; A Filosofia Medievalinclui pensadores europeus, árabes e judeus. É o período de cerca de mil anos em que predomina a Igreja Católica Romana, e se criam, ao lado das catedrais, as primeiras Universidades, cujo curso principal era a Teologia, sendo a Filosofia uma “serva da Teologia”. Essa filosofia tem como característica principal;
* A estreita relação entre filosofia e religião, ou melhor,
entre filosofia e...
tracking img