filme

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1605 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de outubro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Resumo do capítulo 08.

O Pensamento Iluminista

Um dos aspectos marcantes do Iluminismo, período muito rico em reflexões pedagógicas, foi a política educacional focada no esforço para tornar a escola leiga e função do estado.
Voltaire dizia em uma carta ao rei da Prússia: “ Vossa majestade prestará um serviço imortal à humanidade se conseguir destruir essa infame superstição [a religiãocristã], não digo na canalha, indigna de ser esclarecida e para qual a todos os jugos são bons, mas na gente de peso”.
Voltados para os interesses da alta burguesia, temerosa de que a educação das massas provocasse o desequilíbrio na ordem que então se estabelecia.
Diderot defendia posição mais democrática. “É bom que todos saibam ler, escrever e cantar, desde o primeiro-ministro ao mais humildedos camponeses (....). Porque é mais difícil explorar um camponês que sabe ler do que um analfabeto”.
Jean-Jaques Rousseau divergia dos demais em muitos pontos e teve inúmeras desavenças com Voltaire, que não lhe poupou severas críticas. Dentre suas obras destaca: Discurso sobre a origem da desigualdade entre os homens, Do Contrato Social, ambos sobre política, e Emílio ou da educação.
Rousseaucriticou o absolutismo e elaborou os fundamentos da doutrina liberal. Considera então a possibilidade de um contrato social verdadeiro e legítimo, que reúna o povo numa só vontade, resultante do consentimento de todas as pessoas.
Rousseau - o cidadão não escolhe representantes a quem delegar poder. Só o povo é soberano. Pois toda lei não ratificada pelo povo é nula.
O cidadão, ativo e soberano,capaz de autonomia e liberdade, é ao mesmo tempo um súdito, porque se submete à lei que ele próprio ajudou a erigir.
Liberdade e obediência são pólos que devem se completar na vida da pessoa em sociedade. Importância que Rousseau deposita na educação. Ressaltou a especificidade da criança, que não devia ser encarada como um “adulto em miniatura”. Rousseau quer que o ser humano integral sejaeducado para si mesmo: “Viver é o que eu desejo ensinar-lhe. Quando sair das minhas mãos, ele não será magistrado, soldado ou sacerdote, ele será, antes de tudo, um homem”.
Ao fazer crítica ao regime feudal, Rousseau preconiza uma educação afastada do artificialismo das convenções sociais e política.
O cidadão deve buscar a espontaneidade original, livre da escravidão aos hábitos exteriores, a fim deque o indivíduo seja dono de si mesmo, agindo por interesses naturais e não por constrangimento exterior e artificial.
A Educação natural consiste na recusa ao intelectualismo.
Essas disposições primitivas são mais dignas de confiança do que os hábitos de pensamento inculcados pela sociedade.
Desconfiado da sociedade constituída, Rousseau teme a educação que põe a criança em contato com osvícios e a hipocrisia. A educação primeira consiste não em ensinar a virtude ou a verdade, mas em preservar o coração do vício e o espírito do erro (...). Sem preconceitos, sem hábitos, nada teria ele em si que pudesse contrariar o resultado de vossos cuidados.
Rousseau não dava muito valor ao conhecimento transmitido e que queria que a criança aprendesse a pensar não como um processo que vem de forapara dentro, ao contrário, como desenvolvimento interno e natural.
Segundo a pedagogia rousseauniana, a criança descobrirá por si própia as leis das coisas e das relações interpessoais. Enquanto sucumbe impulso, é escravo do seu desejo e, quando aprende que existem leis, sozinho as descobre: a liberdade é, pois, a obediência à lei por ele mesmo aceita. Assim, Emilío vê-se diante dos atos e desuas conseqüências. Para Rousseau, falar precocemente de Deus com a criança apenas se lhe ensina a idolatria. Por este motivo foi ameaçado de prisão, precisando sair de Paris para se refugiar na Suíça.

Avaliando as críticas a Rousseau

Para os filósofos contratualistas, o estado de natureza não é uma situação histórica que existiu no tempo, mas uma hipótese para sustentar a argumentação...
tracking img