Filme: escritores da liberdade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1878 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Roseli de Almeida










TRABALHO DO FILME: “ESCRITORES DA LIBERDADE”.















2012


Roseli de Almeida










TRABALHO DO FILME: “ESCRITORES DA LIBERDADE”.

“Trabalho realizado como uma das exigências parciais da disciplina “Psicologia Escolar” do curso de Psicologia do UNISAL de Americana, ministrada pelaProfª. Dra. Gabriela Raeder da S. Carneiro.








2012


SUMARIO

INTRODUÇÃO 4
COMPREEÇÃO TEÓRICA DO FILME 5
A IMPORTANCIA E O PAPEL DO PROFESSOR 6
CONSIDERAÇÕES FINAIS 9
REFERENCIAS BIBLIOGRÁFICAS 10


































INTRODUÇÃO



O filme “Escritores da Liberdade” é uma produção baseada em fatos reais que representa ascontradições da sociedade contemporânea, e o caos nas relações sociais, a submissão, as reações e resultados de um sistema educacional ultrapassado pouco eficaz, na tentativa simples de mudanças.

Atualmente a Didática vem apontando para uma revolução na formação dos Professores de Nível Superior. A prática demonstra que os atuais professores, embora tenham formações específicas, faltamembasamentos teóricos em metodologias didáticas para um bom desempenho acadêmico.

O filme Escritores da Liberdade aborda como os professores podem através de um planejamento e recursos adequados incentivar a motivação dos alunos a aprender. É representado por uma professora que oferece aos seus alunos, o que eles mais precisam uma voz própria. A professora Erin Gruwell, combate um sistema deficiente,lutando para que a sala de aula faça a diferença na vida dos estudantes. Incentiva os alunos a escreverem suas próprias histórias. Essa turma de adolescentes descobre o poder da tolerância, dos aprendizados, de serem reconhecidos e percebidos como individuo, e então recuperam suas vidas desfeitas e iniciam uma nova etapa de maneira muito mais saudável e feliz.COMPREEÇÃO TEÓRICA DO FILME


Cada vez mais os problemas de indisciplina em sala de aula têm se agravado, diversos são os motivos e causas, o que exige uma reflexão e busca por soluções.

Podemos começar com um dos fatores principais que segundo Piaget e a sua teoria de “interiorização” das regras que corresponde a uma exigência moral de reciprocidade, de respeitar e ser respeitado. O respeitomútuo está relacionado a dimensão da estima, está ligado ao reconhecimento como pessoa de valor. Exigir do outro reconhecimento e dignidade, agir de forma que concretize a sua dignidade, portanto merecer ser respeitado.

Entre tantas forças que manifestam tendências negativas, divisoras e degradantes da humanidade, as artes emergem como um refúgio e esperança. Livresdas limitações de tempo e espaço, as artes falam uma linguagem universal, comunicando pensamentos e sentimentos acima e além das inclinações básicas de nossa natureza animal. (DI LEO, 1985, p 196).

Antes de iniciar a descrição dos tipos de alunos dispostos no artigo, precisamos saber que estes alunos estão inseridos em vários cenários fora da escola, precisamos vê-los como seresbio-psico-sócio-culturais que se define por si só e que aqui se encaixa perfeitamente.

Já com a ideia de serem seres bio-psico-sócio-culturais os alunos que se mostram desrespeitadores, desinteressados e sem limites do filme estão envolvidos em vários cenários fora da escola, como violência, drogas, desemprego que fazem com que os jovens corram atrás de uma solução nas ruas e assim acabam se envolvendo, porexemplo, com gangues mostradas no filme.

Como em grande maioria estes jovens não acreditam mais em si, tanto pelo abandono da família e/ou da sociedade, com isto passam a ver que os outros também não acreditam neles e assim continuam a praticar o mal e a fazer o que quer, já que ele acredita que não faz diferença na sociedade e que todos estão contra eles, tornando-se assim desrespeitadores....
tracking img