Fidel castro

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2944 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Fidel Alejandro Castro Ruz (Birán, 13 de agosto de 1926) é um revolucionário comunistacubano, primeiro presidente do Conselho de Estado da República de Cuba (1976-2008). Até 2006 foi primeiro-secretário do Comitê Central do Partido Comunista de Cuba.
Em 19 de fevereiro de 2008, Castro anunciou ao jornal do Partido Comunista, o Granma, que não se recandidataria ao cargo de presidente de Cuba,cinco dias antes de o seu mandato terminar.

Castro nunca foi eleito através de eleições diretas, não permitiu a criação de partidos de oposição, nem liberdade de imprensa (Cuba é considerado um dos países com menor liberdade de imprensa do Mundo) durante o período em que esteve como líder do regime ditatorial cubano. Seu governo foi e continua sendo amplamente criticado pela comunidadeinternacional por violações aos direitos humanos.

Líder e secretário-geral do partido desde sua fundação, em 1965, em 19 de abril de 2011, Fidel, que já havia entregue o cargo de presidente em 2006, foi substituído como secretário-geral do Partido Comunista Cubano por seu irmão, Raúl Castro, retirando-se oficialmente da vida política do país.

Ganhou o Prêmio Olivo da Paz do Conselho Mundial da Paz em2011 pela coexistência pacífica entre as nações e por ser uma personalidade que contribuiu para o desarmamento.[10]

| |

Biografia

Infância e estudos

Nascido da união entre Ángel Castro Argiz, imigrante da Galiza, e Lina Ruiz González, Fidel Castro, que é canhoto, apesar de aparecer em algumas fotografias escrevendo com a mão direita,foi educado em colégios jesuítas, como o LaSalle, Dolores (ambos localizados em Santiago de Cuba) e Colegio Belén (em Marianao, Havana). Foi um acólito ou coroinha (ajudante do sacerdote na missa católica). Alto e de porte atlético, foi premiado como o melhor atleta estudantil secundarista cubano em 1944. Em 1945 entrou na Universidade de Havana. Enquanto cursava o segundo ano (1946-1947) editou, em colaboração com Baudilio Castellanos, o periódicomensal Saeta, impresso em seu mimeógrafo pessoal no qual reproduzia, entre outras coisas, conferências de classes para entregar gratuitamente a seus colegas de estudo.

Durante sua permanência na Universidade de Havana (onde graduou-se em Direito em 1949), foi dirigente da Federação de Estudantes Universitários (FEU) a diferentes instâncias, participou da frustrada expedição de CayoConfites (1947) para lutar contra a tirania de Rafael Leónidas Trujillo na República Dominicana e colaborou no projeto para celebrar o Congresso Latino-americano de Estudantes que coincidiu com a IX Conferência Panamericana, o que o levou junto a Alfredo Guevara, dentre outros, à Colômbia.

Início da carreira política

Depois de graduado, dedicou-se de modo especial à defesa dos opositores ao governo,trabalhadores e sindicatos, denunciou as corrupções e atos ilegais do governo de Carlos Prío através do diário Alerta e das emissoras Radio Álvarez e COCO e se vinculou estreitamente aoPartido do Povo Cubano (Ortodoxo) que era liderado por Eduardo Chibás, partido pelo qual seria candidato a Representante nas eleições de 1952. O golpe de estado em 10 de março de 1952 por Fulgencio Batista, ao qualFidel condenou no diário La Palabra e pretendeu levar aos tribunais, o convenceu da necessidade de buscar novas formas de ação para transformar a sociedade cubana.

Nos dias que se seguiram ao golpe, imprimiu em mimeógrafo e distribuiu clandestinamente sua denúncia. Uniu-se a jovens que editavam o periódico mimeografado clandestino, Son los Mismos, sugeriu a troca de seu nome pelo de El Acusador efoi co-editor desse novo órgão, onde assinou seus trabalhos apenas com seu segundo nome, Alejandro. Este mesmo pseudônimo utilizaria mais tarde em suas correspondências e mensagens.

Daquele grupo sairia o núcleo inicial de jovens que sob seu comando atacariam de assalto ao Quartel Moncada em Santiago de Cuba e de Céspedes, (Bayamo) em 26 de julho de 1953 e fundaria depois o Movimento...
tracking img