Fideismo e montaigne

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1374 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Índice
* Introdução................................................................................
* Fideísmo...................................................................................
* Montaigne................................................................................
* Conclusão..................................................................................* Bibliografia..............................................................................

Introdução

Michel de Montaigne foi um filósofo da Renascença, ainda que ao escrever os seus Ensaios não se julgasse um filósofo. Simplesmente escrevia aquilo que pensava resultante de seus estudos e de suas próprias experiências e das experiências vividas por outros. Seus ensaios não mostravammétodos, mas uma irreverência e um modo de escrever muitas vezes bem humorado, mas que atraíam a atenção de seus leitores e amigos como ele mesmo demonstrava.
Em seus Ensaios é tocante a forma de seus argumentos, no qual, ao mesmo tempo em que demonstra um desenrolar de um problema apresenta um argumento contrário. Prova disso são os diversos exemplos que utilizava tirados de histórias eexperiências não importando a época que aconteceram. Montaigne cita um exemplo na qual a consideração ou a valentia pode ter um mesmo resultado.
O que Montaigne queria provar é que por diversos meio chaga-se ao mesmo fim. Portanto, as circunstancias podem levar aos resultados mais diversos, desde que saiba aproveitar as oportunidades que surgem, pode perceber aqui certo relativismo da parte deMontaigne. E colocado em pauta a sua expressão pode-se perceber facilmente que a maioria das vezes que ele escreve sobre determinado assunto, deixa um fio condutor que pretende levar o seu leitor a algum outro extremo.
A ideia central do fideísmo é que as questões religiosas não podem ser justificadas por meio de argumentos ou provas, mas apenas pela fé.

Fideísmo

Fideísmo: fé. Doutrinareligiosa que prega que as verdades metafísicas, morais e religiosas, como a existência de Deus, a justiça divina após a morte e a imortalidade, são inalcançável através da razão, e só serão compreendidas por intermédio da fé. Foi condenado pela igreja católica, através do seu líder à época, o Papa Pio IX, no século XIX através do concílio Vaticano I.
Os fideístas procuram se esquivar de qualquertipo de argumentação para que possam apoiar sua fé em Deus sem qualquer tipo de racionalização. Porém, esta corrente teológica é flagrada em aparente contradição quando utiliza a própria razão para expor sua doutrina e depois negar seu emprego em questões de fé. A principal critica ao fideísmo está relacionada a esta aparente contradição, como diz Norman Geisler:
A ideia central do fideísmo éque as questões religiosas não podem ser justificadas por meio de argumentos ou provas, mas apenas pela fé. Os fideístas mais radicais, como o filósofo dinamarquês Kierkegaard, defendem que justificar a nossa crença em Deus é impossível, pois a natureza divina está além de nossa compreensão, e também uma opção indesejável, pois ao fazê-la retiramos parte da essência da fé, que seria acreditar mesmosem provas. Este tipo de fideísmo é muitas vezes qualificado como uma forma de irracionalismo (negação da razão). Por outro lado, Blaise Pascal e Santo Agostinho defendem uma forma mais moderada de fideísmo segundo a qual, apesar de a fé ter um estatuto privilegiado em matérias religiosas, podemos apelar à razão para a fundamentá-la.
A Igreja Católica condenou o fideísmo porque dentro da crençacatólica defende-se a existência de uma faculdade especial, partilhada por poucos e determinada pela fé, destinada à interpretação dos mistérios. Embora, a partir da definição clássica de fideísmo, a própria Igreja Católica tenha sido qualificada como fideísta em certos momentos.

Michel de Montaigne
Humanista, Montaigne defende um certo número de teses sobre as quais sempre retoma em seus...
tracking img