Fichamento

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1282 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
DENTIFICAÇÃO DA OBRA
TODOROV. Tzvetan A conquista da America A questão do outro

Autor
Tzvetan Todorov nasceu na Sofia, Bulgária em 1939, radicado na França desde 1963 em Paris, foi professor da escola pratique de auties études, e diretor do centro nacional de pesquisas cientificas de Paris, lecionou em varias universidades dos Estados Unidos como Yale, Harvard, Columbia e CalifórniaBukeles.
Tema
O autor tem como questão as relações entre duas culturas completamente diferentes tomando como tema o encontro entre os europeus e os nativos americanos desde 1492, e procurando analisar a influência cultural entre as sociedades.

ESTRUTURA

Capitulo 3 Compreender, tomar e destruir.
A ideia que traz, e que a compreensão dos espanhóis e o que levou a destruição de umacivilização.

Fontes
Documentos da época da colonização:
Bispo de Yuacatan Diego de Landa, Pedro de Valdivia, Teólogo e jurista espanhol Fernando de Vitoria Filosofo Ginis de Sepúlveda, dominicano Tómaz Ortiz, Bispo Ramiz de Furtuleal, Motolinea, Cortez, Palacios Rubeos. Frei Bartolomé de Las Casas. Bernal Dias.

CONTEÚDO
Todorov discute como compreender a onde colonizadores fazem um julgamentonegativo a respeito de índios considerando como eles eram desprezíveis e considerando como eles não eram dignos de estarem entre eles.
Embora eles sentissem uma certa admiração pelos nativos e pela suas arquiteturas e organização social mas nunca igualando aos espanhóis.
A descoberta desse continente segundo Todorov era inusitado e nem mesmo a Lua seria tão fascinante mesmo os espanhóis sabendoque a lua estava La como a África e Índia. Nesse encontro haveria uma reação porque nada sabiam desse povo que ali viviam.
Todorov não responsabiliza os espanhóis como exterminadores direto dessa população, enumerados três causas prováveis Maus tratos, responsabilidade menos direta, pelas doenças macrobióticas que foram transidas pelos espanhóis indiretamente durante sua estadia no continente,Todorov faz algumas citações como na lãs casas narrando todos os horrores causados pelos espanhóis, sobre o modo de como eram tratados os índios, diz Las Casas.
Embora Las Casas tenha presenciado tudo isso Todorov acreditava existir alguns exageros ou pura invenção já que mesmos não cita nomes próprios ou circunstancias desses acontecimentos, mais repudia toda a barbárie cometida.
A determinaçãode Colombo por não saber, com certeza se haveria algum continente ou se chegaria as Índias como sua previsão destacava-se como Vasco da Gama e Magalhães como esses já tinham feito viagens muita mais difícil, mas sabiam para onde iam.
Colombo dizia em seus diários que a maior motivação era descobrir ouro para Todorov isso era mera ambição que levou Colombo viajar para descobrir novoscontinentes mas Colombo isso como motivação dizendo que o ouro brotava nesses continentes.
O Autor cita também que a esperança de riqueza não era só de Colombo e sim de seus companheiros.
Os marinheiros não são os únicos que esperavam enriquecer. Os próprios mandatários da expedição, o Reis da Espanha, não teriam envolvido na empresa se ao fosse à promessade lucro. Portanto, na empresa de lucro. Portanto, no diário que Colombo escreve a eles destinado, é preciso multiplicar a cada pagina os indícios da presença de ouro da primeira, ele diz explicitamente que o ouro era uma espécie de chamariz, para que os reis aceitassem e financiam-se as demais viagens. (pag. 9).
Como o desejo de enriquecer era de todos haveria uma desigualdade combatida poroutra doutrina como há de igualdade Todorov menciona uma critica ao requerimento, redigido por Palácios Rubios em 1514 regulamentando as conquistas de uma breve história da humanidade, declara JESUS CRISTO como fundador de toda linhagem humana, que tem todo o universo sob sua mãos e declara o seu poder a Pedro e estes ao papas que o sucederam, a essência de cada religião ao direitos dos espanhóis...
tracking img