Fichamento karl marx aron, raymond. as etapas do pensamento sociológico. lisboa: publicações dom quixote. 3 ed. 1999. 638p.

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2228 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ARON, Raymond. As Etapas do Pensamento Sociológico. Lisboa: Publicações Dom Quixote. 3 ed. 1999. 638p.

Karl Marx (p. 139-193)


• Filósofo da alienação/ sociólogo e economista do capitalismo (p. 141).
• Obras de teoria sociológica, econômica e de história e “por vezes a teoria explícita que encontramos nestes escritos científicos parece contrariada pela teoria implícita utilizadanos livros históricos” (p. 143).
• Costuma-se dividir os estudos de Marx em dois períodos: o da juventude entre 1841 e 1848, quando publicou obras como A Sagrada Família e Miséria da Filosofia e a partir de 1848, quando Marx abandona a vertente filosófica para seguir a socióloga e econômica, período em que escreve O Capital (p. 143).
• “Marx tem uma certa visão filosófica do devirhistórico. Que tenha dado às contradições do capitalismo uma significação filosófica é possível e até provável. Mas o essencial do esforço científico de Marx foi demonstrar cientificamente a evolução, aos seus olhos inevitável, do regime capitalista” (p. 144).
• Existem diversas interpretações sociológicas e filosóficas de Marx. “[...] os textos de Marx são equívocos, o que significa que apresentamqualidades necessárias para serem indefinidamente comentados e transfigurados em ortodoxia [...] cada um pode nele [Marx] descobrir o que quiser”. (p. 145).
• Era um sociólogo-economista, defendendo a idéia de que não se podia compreender a sociedade sem referência ao sistema econômico. “O pensamento de Marx é uma análise e uma compreensão da sociedade capitalista no seu funcionamento atual,na sua estrutura presente, no seu devir necessário” (p. 145).
• Marx considera as sociedades atuais industriais e científicas, em oposição às militares e teológicas e “põe no centro do seu pensamento a contradição aos seus olhos inerente à sociedade moderna a que dá o nome de capitalismo” (p. 145). Conflitos entre o proletariado e o capitalista o traço principal desta sociedade.
• “Opensamento de Marx é uma interpretação do caráter contraditório ou antagônico da sociedade capitalista [...] inseparável da estrutura fundamental do regime capitalista e, ao mesmo tempo, a mola do movimento histórico” (p. 146).
• Luta de classes/ caráter antagônico do capitalismo/ autodestruição do capitalismo.
• História humana marcada pela luta de classes (opressores x oprimidos), mas nocapitalismo a burguesia não consegue manter seu poder sem revolucionar permanentemente os instrumentos de produção.
• Contradição entre as forças e as relações de trabalho e entre a progressão das riquezas da minoria e da miséria crescente da maioria. “[...] a burguesia cria sem cessar meios de produção cada vez mais poderosos [...] o regime capitalista é capaz de produzir cada vez mais [...]a miséria continua a ser a sorte da maioria”. (P. 147).
• Contradição resulta em crise revolucionária (revolução proletária). No momento em que a produção estiver nas mãos dos indivíduos associados o poder público perderá o caráter político. O poder político é a expressão dos conflitos sociais, “a supressão das contradições entre as classes deve acarretar logicamente o desaparecimento dapolítica e do Estado [...] subproduto ou a expressão dos conflitos sociais” (p. 148).
• Teoria geral da sociedade em Marx: materialismo histórico.
• “[...] não é a consciência dos homens que determina a sua existência, pelo contrário é a sua existência social que determina a sua consciência [...] esta consciência explicar-se-á antes pelas contrariedades da vida material, pelo conflito queopõe as forças produtivas sociais e as relações de produção” (MARX apud. ARON, p. 149-50).
• Os homens entram em relações determinadas, independente da sua vontade, relações sociais impostas.
• Na sociedade distinguem-se a base econômica (infra-estrutura – forças e relações de produção) e a superestrutura (instituições jurídicas, políticas, ideologias, filosofias, etc.).
•...
tracking img