Fichamento do manifesto comunista

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1491 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO – UFRJ
INSTITUTO DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS SOCIAIS – IFCS
LICENCIATURA EM CIÊNCIAS SOCIAIS



DISCIPLINA:
INTRODUÇÃO À SOCIOLOGIA




TEMA:
FICHAMENTO SOBRE O MANIFESTO COMUNISTA DE KARL MARX E FRIEDRICH ENGELS





RAFAEL DE SOUZA E MELLO COELHO DA SILVA
DRE: 111335948





Rio de janeiro
2011.1
[pic]

RAFAEL DESOUZA E MELLO COELHO DA SILVA
DRE: 111335948




FICHAMENTO SOBRE O MANIFESTO COMUNISTA DE KARL MARX E FRIEDRICH ENGELS







Trabalho realizado como composição de nota para aprovação na disciplina de Introdução à Sociologia, ministrada na Universidade Federal do Rio de Janeiro, no Instituto de Filosofia e Ciências Sociais, pertinente ao cursode Licenciatura em Ciências Sociais, sob orientação da profª. Helga Gahyva
















Rio de janeiro
2011.1
| |
|ENGELS, F.; MARX, K. H. O Manifesto Comunista (1948). Disponível em |
||
|O Manifesto Comunista é texto redigido por Marx e Engels, encomendado pela Liga dos Comunistas, com um propósito de fortificar o orgulho comunista, |
|de explanar as idéias e “verdades” em que eles acreditavam, e de demonstrar que, com a união de todos oscomunistas e opositores do poder |
|estabelecido, era possível mudar a realidade de opressão ao quais as pessoas eram subjugadas. |
|O texto tem uma estrutura simples, com uma breve introdução, três capítulos e uma pequena conclusão. |
|A introdução trata do medo que ocomunismo causa em seus adversários e com o “espectro do comunismo” (pág. 5) causa temor nas potências da velha |
|Europa que se unem para tentar conjurá-lo. Os autores chegam a duas conclusões, a primeira é o reconhecimento da força do comunismo e a segunda é que|
|estava na hora de os comunistas exporem suas idéias e explicarem suas finalidades, que eram tão deturpadas pelos que asdemonizavam. |
|A parte I, denominada "Burgueses e Proletários", faz um resumo da história da humanidade até os dias de então, quando duas classes sociais |
|antagônicas, as que dão título o capítulo, dominam o cenário. |
|Uma parte bem importante deste capítulo é a importância daburguesia industrial, que gerou muitas transformações no mundo, exercendo assim, um papel |
|revolucionário. |
|Os autores, devido as suas grandes aptidões socioeconômicas, relatam a mundialização do comércio (mercado mundial), dos meios de comunicação, da ||navegação, isso tudo através de uma globalização. A força transformadora da burguesia encantava devido ao grande poder que esta detinha, com isso |
|produzindo tecnologia e ciência em volumes e qualidades nunca antes vistas. A produção da indústria cresceu assustadoramente, tudo para saciar a |
|procura que só aumentava devido à ampliação dos mercados. A grande revolução daburguesia moderna era o processo de desenvolvimento e as revoluções |
|do modo de produção e de troca. |
|Eles fazem um “elogio” à dinâmica da burguesia e a como as suas revoluções nos instrumentos de produção alteravam todas as relações sociais, como no |
|trecho abaixo:...
tracking img