Fichamento do livro como se faz análise de conjuntura

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1295 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]
MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
UNIVERSIDADE FEDERAL DO TRIÂNGULO MINEIRO
Av.Frei Paulino, 30 – Abadia - 38025 - (34) 3318-5010 – uftm@uftm.edu.br – 38025-180 – UBERABA - MG

Aluna: Paula Machado Baesso
Professora: Dra. Rosane Martins
Disciplina: EDP V

Fichamento do livro: Como se faz análise de conjuntura; Hebert José de Souza

Fazer análise de conjuntura é essencial paraentender o que se passa na sociedade em geral, nos seus mais diversos âmbitos. Consiste no entendimento além do que está sendo visto a “olho nu”; é portanto em si mesma uma tarefa complexa, exige que se tenha habilidade de reconhecer , compreender, descobrir, perceber certas informações contidas no cenário em que se trabalha.
Para isso existe técnica , método e teoria específicos, o que étratado de forma simples e clara no livro Como se faz análise de conjuntura por Hebert José de Souza.
Em seu primeiro capítulo, “Algumas categorias para a análise de conjuntura”, o autor dispõe de cinco premissas necessárias para reconhecer e trabalhar na análise de conjuntura,são elas: acontecimentos, cenários, atores, relação de forças , articulação (relação) entre “estrutura” e“conjuntura”. Explicados abaixo.
Os acontecimentos são, diferentemente dos fatos, situações que tem certa relevância, importância, dentro do contexto que se encontra, sendo a dimensão variável, podendo até mesmo refletir sobre uma gama enorme de pessoas. Os cenários são os espaços em que os acontecimentos se desenvolvem. Cada cenário possui sua particularidade , ele carrega consigo um conjuntode elementos que pode influenciar o acontecimento, política, economia, ele pode ser um fator de vantagem.
O ator , por sua vez, é o que representa um papel na trama social de relações, ou seja, ele representa algo para a sociedade, mas pode ser tão somente individual como sujeitos coletivos, como instituições, jornais, rádios e etc. Nas relações de força, resultam das próprias relaçõespessoais, onde se estabelece interiormente a hierarquia, pode ser facilmente detectada através de indicadores qualitativos, como acontece nos resultados de pesquisas, mas nem sempre é tão perceptível assim. Uma relevância é saber que as relações de força não são imutáveis, elas também variam de acordo com o período, ator, cenário e etc.
Por isso é importante reconhecer cada qual deforma a saber sua veracidade, isso é feito através da relação de conjuntura. Os processos estão agregados a vários sentidos e percepções, o que dificulta o trabalho, mas não deve ser visto como empecilho. É possível analisar a conjuntura do modo de vista do poder ou do dominado, na função de reordenar os elementos da realidade.
No entanto, todo acontecimento é um fato, mas sabe-se que comcaracterísticas atribuídas, dependendo de interesses específicos. Pode-se dizer que a “análise de conjuntura é interessada em produzir um tipo de intervenção da política, na definição das estratégias e táticas das diversas forças sociais em luta”.
É importante estar inserido e atualizado sobre as diversas instâncias do capital mundial e local, no segundo capítulo, o autor discorre sobreo capital mundial, onde o mesmo proporciona elementos condicionantes. É um sistema, onde contem empresas transacionais, que dispõe de tecnologia , bens sofisticados, no qual produzem numa escala de massa e visam o aumento do lucro. O que resulta na lógica do capital, onde uma minoria possui o dinheiro, numa competição desenfreada com o mundo. Geralmente esses atores, forças, se encontram nospaíses capitalistas desenvolvidos, mas como forma de investimento se alastram por outras nações, em até mesmo as socialistas, não havendo limite de fronteiras, como Betinho diz o limite é universal.
Assim, essas transacionais muitas vezes não levam em conta a realidade nacional na qual estão implantando seu método de trabalho, não levam em conta a lógica de acumulação definida por um...
tracking img