Fichamento da obra de portoghesi

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (763 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Fichamento da obra:
PORTOGHESI, Paolo. Depois da arquitectura moderna. Lisboa : Ed. 70, 1999. 258p, il. (Arte E comunicacao, .19). Traducao de: Doppo l`architettura moderna. P. 25 à 33.

Osistema industrial moderno, que se unifica para alem dos próprios sistemas políticos e das diferenças das instituições, construiu o seu domínio sobre os fundadores de argila que no decorrer do tempo acaboupor pôr a descoberto. Este baseou-se na convicção de que a natureza era uma identidade infinita á qual se podia tirar sem limites a energia necessária para saciar o motor da produção.
Depois deter usado o capital natureza como sendo um rendimento assegurado, depois de ter saqueado a terra como uma cidade subjulgada, o sistema prefere hoje autolamentar-se com a perspectiva inevitável do fim dacivilização em vez de recorrer a reparos e retomar a apreciação do problema da natureza em busca de uma nova aliança de uma relação orientada para novos equilíbrios.
Morris em a beleza da terrasubjulgava a uma aça de consumo cada vez mais rápida, mas também o da arquitetura entendida como uma segunda natureza, como reserva de experiências acumuladas durante gerações, que se torna dramático, nomomento em que se torna claro que o estatuto funcionalista adotado pelo sistema industrial na sua fase avançada, atribui cada vez mais explicitamente o papel de reserva de valores ao passado, e opapel de gestão pura e simplesmente utilitário destes valores ao presente, sem que se reconheça p dever e direito de dar um contributo criativo a uma reserva que por outro lado continua a estar gasta ecorroída por numerosos mecanismos destrutivos.
A obsolência dos princípios que guiaram durante cinquenta anos a pesquisa arquitetônica, o mundo cultural tem até a data reagido com indiferença,fingindo que nada se passa ou quando muito, admitindo que é necessário uma revisão teórica marginal; tentou definir a amplitude e a profundidade da crise, falando de arquitetura pós-moderna e de falência...
tracking img