Ferrovias

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4613 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
REVISÃO

1. CARACTERÍSTICAS DA FERROVIA

Contato metal-metal: Interação veículo-via se dá pelo contato direto das rodas do trem com os trilhos; Desgaste dessas partes devido a grande magnitude da carga que solicita as rodas.

Fonte: Notas de Aula Prof. Dr. Telmo Giolito Porto – Escola Politécnica da Universidade de São Paulo

1

1. CARACTERÍSTICAS DA FERROVIA

Eixos Guiados: Osistema ferroviário não possui mobilidade quanto à direção do veículo – o trajeto é guiado pelos trilhos.

Bitola: É a distância entre as faces internas das duas filas de trilhos, medida 12 mm abaixo do plano de rolamento.

1. CLASSIFICAÇÃO DAS FERROVIAS

Quanto a bitola:

• Larga: b > 1,435m; • Normal: b = 1,435m; • Estreita: b < 1,435m.
bitola

Bitola é a distância entre as faces internasdas duas filas de trilhos, medida a 12mm abaixo do plano de rolamento.

2

1. MATERIAL RODANTE : Características dos veículos

Roda solidária ao eixo: não possui movimento relativo

Fonte: Prof. Dr. Telmo Giolito Porto – Escola Politécnica da Universidade de São Paulo

1. MATERIAL RODANTE : Características dos veículos
Paralelismo dos eixos do truque: a dificuldade de inscrição dotruque no trilhos de uma curva limita os raios mínimos em valores bem superiores aos das rodovias.

Fonte: Prof. Dr. Telmo Giolito Porto – Escola Politécnica da Universidade de São Paulo

3

1. MATERIAL RODANTE : Características dos veículos
Existência de frisos nas rodas: mantém o trem sobre os trilhos, evitando um deslocamento lateral que provoque descarrilamento

Fonte: Prof. Dr. TelmoGiolito Porto - Escola Politécnica da Universidade de São Paulo

1. MATERIAL RODANTE : Características dos veículos
Conicidade das rodas: centraliza o veículo nos trilhos (a geometria cônica o faz escorregar pela gravidade de volta para o centro; diminui (um pouco) o efeito do escorregamento das rodas nas curvas;

Fonte: Prof. Dr. Telmo Giolito Porto - Escola Politécnica da Universidade de SãoPaulo

4

1. MATERIAL RODANTE : Características dos veículos

Cargas dispostas na ponta dos eixos; Rodas nunca estão fora do gabarito da caixa.

Fonte: Prof. Dr. Telmo Giolito Porto - Escola Politécnica da Universidade de São Paulo

1. MATERIAL RODANTE

• Veículos tratores: locomotivas (vapor, elétricas, combustão, diesel-elétricas);

• Veículos rebocados (carga ou passageiros):vagões.

5

1. MATERIAL RODANTE
Locomotiva vapor

http://pt.wikipedia.org/wiki/Locomotiva_a_vapor

1. MATERIAL RODANTE
Locomotiva elétrica (aplicação no transporte de cargas)

As locomotivas elétricas são alimentadas externamente, seja por meio de catenárias ou por um terceiro carril. Embora o custo de eletrificação de uma linha seja muito dispendioso, a operação dos comboios elétricos ésignificativamente mais barata do que os movidos a diesel, isto para além de terem uma capacidade superior de aceleração e de travagem, o que os torna ideais para o transporte de passageiros em zonas populacionais densas. Praticamente todos os comboios de alta velocidade usam locomotivas elétricas porque não seria fácil transportar a bordo a quantidade de energia necessária para tão alto desempenho6

1. MATERIAL RODANTE
Locomotivas diesel-elétricas

Em uma locomotiva diesel-elétrica o motor primário diesel aciona um gerador elétrico que irá transmitir a potência para os motores de tração. Não existe conexão mecânica entre o motor primário e as rodas de tração. Conceitualmente, este tipo de locomotiva é uma locomotiva elétrica que incorpora sua própria estação geradora, feita paraoperar em áreas em que a estradas de ferro não é eletrificada.

1. MATERIAL RODANTE
Vagão gôndola – basculamento lateral

Peso bruto máximo Tara Capacidade de carga Capacidade volumétrica Aplicação

119.000 kg 20.500 kg 98.500 kg 35 m3 minério de ferro, areia, brita

7

1. MATERIAL RODANTE
Vagão hopper fechado

descarregamento

Peso bruto máximo Tara Capacidade de carga...
tracking img