Fernando pessoa

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (955 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
BIOGRAFIA
Fernando Antônio Nogueira Pessoa nasceu em 1888, em Lisboa, e morreu nessa mesma cidade em 1935.
Filho da pequena burguesia lisboeta, cresceu em Durban (África do Sul) frequentando maistarde a Universidade de Capetown. O inglês foi sua segunda língua materna e, teve depois dificuldades em reencontrar-se na vida portuguesa.
Em Lisboa, logo abandonou os estudos, dedicando-se, comoautodidata, a vastas leituras de filosofia e poesia. Levou vida modesta, complementando sua renda pela confecção de horóscopos nos quais acreditava. Foi defensor de práticas místicas, tendo sidomembro da Fraternidade Rosacruz.
Sua obra é altamente intelectualizada. Suas primeiras poesias somente foram publicadas em 1915 na revista "Opheu". Muitas delas ficaram durante sua vida inédita, pois,em vida, seu talento era apenas reconhecido pelos círculos limitados da boêmia literária de Lisboa.
Levou uma vida anônima e solitária e morreu em 1935, vítima de cirrose hepática. Na poesia,porém, sua vida foi repleta de surpresas: foi o maior criador de heterônimos da Literatura, objeto de maior parte dos estudos sobre sua vida e sua obra, e, por isso, é considerado um dos maiores nomes daLiteratura Universal.

ORTÔNIO FERNANDO PESSOA
Fernando Pessoa
Tinha uma personalidade com conflitos não solucionados, com inibições de um comportamento sexualmente indeciso, oscilando entre omelindre e a tentação dos sentidos, decepcionado pelo seu corpo material e pelas circunstâncias de vida que o limitavam - era magro, calvo disfarçado pelo chapéu, sem sucesso amoroso, sem carreiraprofissional, endividado, porém com uma superação na escrita que proporcionou desdobramentos de sua personalidade. Vivia em um processo constante de busca esotérica sobre si mesmo e sobre Portugal. CARACTERÍSTICAS TEMÁTICAS
- Identidade perdida;
- Consciência do absurdo da existência;
- Tensão sinceridade/fingimento, consciência/inconsciência, sonho/realidade;
- Oposição sentir/pensar,...
tracking img