Fazenda ressaca

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (293 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de maio de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A exemplo do que já acontece desde o Festival Internacional de Pesca de 1997, este ano foi novamente montada, na Praça Barão do Rio Branco, uma réplica de um ponto turísticode Cáceres. A homenagem do XXI Festival está sendo dedicada à Usina da Ressaca, uma indústria de cana que por cerca de 60 anos forneceu aguardente e açúcar para todo MatoGrosso.

O projeto das réplicas foi criado para resgatar a história de Cáceres. Já foram reproduzidos na praça a Fazenda Facão, o Barco Príncipe de Etrúria e a Fazenda Descalvados.A Usina da Ressaca foi construída em pedra canga lavrada, com argamassa de areia e cal. Mesmo sem cimento, a solidez das paredes impressiona. Na réplica não foram usados osmesmos materiais, mas a pintura externa e a decoração interna lembram as características principais da Usina.

A Usina da Ressaca foi fundada pelo espanhol Francisco Vilanova,que em 1872 comprou terras entre os córregos Facão e Barreiro. Na confluência destes córregos forma-se uma turbulência, o que acabou gerando o nome do local como Ressaca. Desdeessa época já existia ali uma engenhoca que fabricava rapadura. A industrialização efetiva, com equipamentos importados da Alemanha via Buenos Aires, teve início em 1902,quando a fazenda passou a ser administrada por Joaquim Costa Marques.

No início das atividades a fazenda da Ressaca possuía cerca de 2,7 mil hectares. Além de cana, também foramcultivados no local milho e verduras. Com o crescimento das atividades a extensão chegou a 27 mil hectares. A produção da cana era transportada através dos rios Paraguai eCuiabá. A Usina funcionou até 1967. Hoje a fazenda pertence à empresa gaúcha Grendene S.A, que investe em pecuária. A edificação histórica da antiga usina está mantida.(JPL)
tracking img