Fascismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1377 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de junho de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto









Matéria: Estado e Sistemas de Poder
Prof. Perillo






































Estado e Sistemas de Poder





“Analise das idéias políticas das teorias totalitárias: fascismo, nazismo e stalinismo.”

O trabalho deve ter por base a obra Filosofando – Introdução à Filosofia, de M. Lúcia de Arruda Aranha e M. HelenaP. Martins, da Ed. Moderna.

O uso do território europeu como principal palco de batalha na Primeira Guerra Mundial, fez a Europa enfrentar uma de suas piores crises econômicas. Isso acarretou na redução dos setores produtivos. Além dos problemas de ordem material, os efeitos da Grande Guerra inseriu a população de todo continente em um delicado período de pobreza e miséria. O ônus da GrandeGuerra também influenciou de forma direta nos movimentos políticos e ideologias daquela época.
Retirar a Europa daquela crise, era uma questão que preocupava toda a população, com isso, diversas respostas começaram a surgir. Só a ajuda financeira concedida pelos Estados Unidos não seria solução para aquela imensa crise. E essa opção foi completamente frustrada com a crise de 1929.
 As doutrinasliberais e capitalistas haviam já não tinham crédito mediante sucessivos episódios de fracasso e indefinição.
Então na Europa tomada pela crise, surgiram três idéias politicas que tinham como ideia resgatar não só a economia, mas também o orgulho de populações que foram castigadas pela primeira grande guerra.
Na Itália, o fascismo foi representado pelo líder italiano Benito Mussolini. Asprincipais características do Fascismo eram:  Violência contra as minorias nacionalismo: exaltação do país italiano que coloca como país supremo em termos de desenvolvimento, cerceamento da liberdade civil: pois trata-se de um regime autoritário, unipartidarismo: o único partido permitido pelo governo era o próprio partido fascista, derrota dos movimentos de esquerda e limitação ao direito dosempresários de administrar sua força de trabalho.
O nome Fascismo deriva da palavra italiana fascio (em latim: fascis). O símbolo fascista é o fasces romano, que significava poder do regime, especialmente o poder judicial. A palavra, na Roma antiga, foi usada como símbolo da união dos combatentes..
Com o fascismo como em todos os regimes totalitários órgãos de imprensa foram fechados, os partidospolíticos (exceto o fascista) foram colocados na ilegalidade, os camisas negras incorporaram as forças de repressão oficial e a pena de morte foi legalizada. O Estado fascista, contando com tantos poderes, aniquilou grande parte das vias de oposição política. Entre os anos de 1927 e 1934, milhares de civis foram mortos, presos ou deportados.
Em agosto de 1921 em entrevista a um jornal o próprioMussolini definiu o fascismo assim:
"O fascismo é uma grande mobilização das forças materiais e morais. O que se propõe? Dizemos isto sem falsa modéstia: para governar a nação. Como? De modo necessário para garantir a grandeza moral e material do povo italiano. Vamos falar francamente: não importa especificamente como, não é ético, ou convergente com o socialismo, em particular aspira a reorganizaçãonacional e política do nosso país. Mudamos os valores tradicionais que o socialismo continue ou desapareça, mas, acima de tudo, o espírito fascista se refugia em tudo o que é arbitrário em relação ao futuro misterioso."


Nazismo

Os vinte anos que separaram as duas grandes guerras mundiais foram anos de grandes surpresas. A Alemanha, com o fim da Primeira Guerra, encontrava-se em uma profundacrise, derrotada.. Para sair da guerra e manter o que restou de seu exército, assinou um acordo de paz esse tratado, além de responsabilizar a Alemanha pela Primeira Guerra, proibia o país de fabricar armas, tanques e aviões; obrigava a devolução de territórios conquistados e a redução do exército alemão, além de exigir o pagamento de uma indenização aos países vitoriosos, pelos danos de...