Farmacologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 69 (17214 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Farmacologia

Para estarmos capacitados a usar e administrar drogas (ou medicamentos) eficientemente deve saber o que esperar delas e o que acontecerá com elas quando forem introduzidas no corpo.

A farmacologia é o estudo científico das drogas, de onde elas vêm, sua natureza, sua composição química, a ação esperada, seus efeitos desejáveis e indesejáveis, e seus usos. Afarmacologia ou ciência das drogas possui duas grandes subdivisões, a farmacodinâmica e a farmacocinética.

As duas grandes subdivisões da farmacologia respondem às duas questões mais fundamentais que podem ser colocadas sempre que a terapia com drogas é considerada. Essas questões são:

➢ O que a droga fará com o organismo?

➢ O que o organismo fará com a droga?

Afarmacodinâmica nos fornece respostas para a primeira pergunta, enquanto a farmacocinética responde à segunda.

A farmacodinâmica descreve os efeitos fisiológicos que as drogas têm em células ou organismo vivos (como o corpo humano) e mostra como as drogas influenciam as funções corporais por meio de mudanças bioquímicas nos fluídos e tecidos corporais. A farmacodinâmica, portanto descreve omecanismo de ação de uma droga e seus efeitos terapêuticos. A farmacodinâmica também nos dá indicações de como a concentração da droga (ou dosagem) está relacionada à subseqüente extensão de seus efeitos terapêuticos.

A farmacocinética descreve a absorção, a distribuição, o metabolismo (ou biotransformação) e a eliminação (pela excreção) das drogas, em outras palavras, os efeitos dosprocessos corporais nas moléculas das drogas, como uma função do tempo (Isto é, medidos com o passar do tempo). Alguns autores se referem aos quatro processos destacados como os processos ADME.

A farmacologia também inclui as seguintes áreas especializadas de estudo, mas não é, de maneira alguma, limitada a elas:

➢ Farmacoterapêutica: A ciência do uso de drogas no tratamento dasdoenças.

➢ A farmacoterapia se refere ao próprio programa de tratamento com drogas de um paciente.

➢ Farmacologia Clínica: Durante o desenvolvimento e a fase de testes de novas drogas, a segurança e a utilidade da droga em questão devem ser determinadas da seguinte maneira:

➢ Testes pré-clínicos: (testes em laboratório e com animais) são usados para determinar as propriedadesfarmacodinâmicas e farmacocinéticas básicas da droga, e para detectar toxicidade aguda, subaguda e crônica. O objetivo é detectar quaisquer efeitos tóxicos que a droga possa ter sobre as células, tecidos e órgãos, e também efeitos carcinogênicos ( que induzem o câncer), mutagênicos ( que causam mutação nos genes) e teratogênicos ( que levam a defeitos de nascimentos perceptíveis).Os testespré-clínicos também ajudam os cientistas a estabelecer o índice terapêutico da droga (a diferença entre a dosagem terapêutica mínima e a dosagem tóxica).

➢ Em seguida, os testes clínicos ( testes em seres humanos) devem estabelecer efeitos colaterais inconvenientes (dos quais os animais são incapazes de reclamar) ocorrem, qual deve ser o cronograma ideal de dosagem e como a nova droga se compara atratamentos com drogas existentes, em que a supervisão médica é essencial para a condução de pesquisas seguras e éticas.

O metabolismo das drogas é significativamente diferente em animais e seres humanos. Portanto, os princípios cinéticos e dinâmicos, e o perfil tóxico de uma droga também continuam a ser investigados durante os testes clínicos. Estes testes são induzidos em 3 fases.Durante a Faz 1, a droga é testada em um pequeno número de indivíduos saudáveis. A Fase 2 administra a droga a um número seleto de pacientes doentes, enquanto na Fase 3 são induzidos testes extensivos, de significância estatística. Depois de iniciada a comercialização da droga, uma nova fase, a farmacovigilância, começa e, então, os efeitos colaterais, as indicações adicionais, a eficácia e a...
tracking img