Fadiga muscular

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4661 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]

UNIÃO DE ENSINO SUPERIOR DE CAMPINA GRANDE
FACULDADE DE CAMPINA GRANDE – FAC – CG
CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM








ORIENTADOR
















FADIGA MUSCULAR VERSUS TRABALHO NOTURNO: MEDIÇÃO DA VULNERABILIDADE NOS PROFISSIONAIS DE SAÚDE













CAMPINA GRANDE-PB
2012
ORIENTADOR

















FADIGAMUSCULAR VERSUS TRABALHO NOTURNO: MEDIÇÃO DA VULNERABILIDADE NOS PROFISSIONAIS DE SAÚDE



.







Projeto de pesquisa apresentado ao Comitê de Ética em Pesquisa da Universidade Estadual da Paraíba/CEP-UEPB para análise e parecer como pré-requisito básico para obtenção da nota da I Unidade Temática da DisciplinaSeminário Integrador II.


ORIENTANDAS: ANA PAULA SIMÕES LEITE

PATRICIA BARBOSA SANTOS

CECILIA NAIA FAUSTO BATISTA DA SILVA

TAILANE DE SOUZA MATOS



CAMPINA GRANDE-PB
2012
RESUMO

SUMÁRIO



1.INTRODUÇÃO....................................................................................................................04
2. HIPÓTESES.............................................................................................................................06
2. JUSTIFICATIVA ................................................................................................................07
3. OBJETIVOS........................................................................................................................08
3.1 OBJETIVO GERAL.........................................................................................................08
3.2 OBJETIVO ESPECÍFICO.................................................................................................08
5. REFERENCIALTEÓRICO................................................................................................10
5.1 O significado da Fadiga .....................................................................................................10
5.2 O trabalho noturno .............................................................................................................11
5.3 A escolha do turno e a opção do gênero............................................................................12
5.4 O funcionamento dos serviços de urgência e emergência .................................................12
6. METODOLOGIA................................................................................................................14
7. CRONOGRAMA................................................................................................................17
8. REFERÊNCIAS…..............................................................................................................18
9. APÊNDICES........................................................................................................................20
10. ANEXOS...........................................................................................................................301 INTRODUÇÃO

As unidades hospitalares de atendimento às urgências e emergências integram o componente hospitalar do sistema de atenção, instituído pela Política Nacional de Atenção às Urgências (PNAU). A finalidade do trabalho das equipes de saúde dessas unidades é atender pacientes que chegam em estado grave, acolher casos não urgentes e proceder sua reordenação a serviçosambulatoriais básicos ou especializados, existentes na rede de atenção à saúde (BRASIL, 2006).
Ao trabalharem na porta de entrada de um hospital público de emergência, os profissionais são interpelados por uma demanda que ultrapassa o que os serviços estão organizados para reconhecer e intervir. Desse modo a sobrecarga e o ambiente em si podem tornar os profissionais fatigados,...
tracking img