Faculdade regional da bahia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1200 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Faculdade Regional Da Bahia – UNIRB

Fabrício Silva de Teive e Argollo

Trabalho solicitado pela professora de Expressão Corporal e Dança – Suelen Senna

Alagoinhas- Ba
2013
Faculdade Regional da Bahia
Curso: Educação Física
1º Semestre
Disciplina: Expressão Corporal e Dança
Docente: Arquimedes Filho
Discente: Fabrício Silva de Teive e Argollo

Fichamento do texto dança“Podemos entender a dança como uma tensão-contração/expansão, armazenamento e liberação de energia-física (bioanátomo-fisiologica) que é tensão humana (Sociopolitico-historico-cultural), sendo verdadeiro também o seu contrario’’

Fichamento do texto Dança do livro
Metodologia do Ensino da Educação Física Coletivos de Autores

“Considera-se a dança uma expressão representativa de diversos aspectos davida do homem. Pode ser considerada como linguagem social que permite a transmissão de sentimentos, emoções da afetividade vivida nas esferas da religiosidade, do trabalho, dos costumes, hábitos, da saúde, da guerra etc.” pg. 82 parag. 1

“... O desenvolvimento da técnica formal deve ocorrer paralelo ao desenvolvimento do pensamento abstrato, pois este permite a compreensão clara dosignificado da dança e da exigência expressiva nela contida...” parag. 5 linhas de 5 a 8 pg. 83.

Fichamento do texto
Núcleos Interpretativos para uma teoria da coporeidade: o corpo em movimento

A experiência fenomenológica do corpo em movimento
“Baseando-se na Fisiologia, na Psicologia e na Física moderna, Merlau-Ponty (1975; 1994) busca ultrapassar as relações de causalidade argumentando que nacompreensão dos fenômenos, não se admite uma explicação puramente fisiológica, psicologia ou mista, mas da ordem do ser no mundo. Em Merleau-Ponty, a experiência do corpo revela um modo de existência profundamente significativo, a vivencia: “Quer se trate do corpo do outro ou de meu próprio corpo, não tenho outro meio de conhecer o corpo humano senão vive-lo” (Merleau-Ponty, 1994, p 269)” parag. 18Pg 5.
Movimentar-se: O corpo como sistema autopoiético
“A cognição e inseparável do corpo, sendo uma interpretação que emerge da relação entre o eu e o mundo, corpo e mente, nas capacidades do entendimento “Essas capacidades são originadas na estrutura biológica do corpo, vividas e experimentadas no domínio consensual e ações da historia e da cultura” (Varela ET alii, 1996, p 149. A mente nãoé uma entidade des-situada, desencarnada ou um computador, também a mente não está em alguma parte do corpo, ela é o próprio corpo. Essa unidade implica que as tradicionais concepções representacionais enganam-se ao colocar a mente como entidade interior. O pensamento é insuficiente a estrutura mental e inseparável da estrutura do corpo”. Pgs 9 e 10 parag. 9
Fichamento do Texto do Livro:Ensino da Dança

“Considerando o comportamento humano que, para se realizar, necessita de movimentos corporais em tempo e espaço, acreditamos que não existe comportamento sem ação, sem movimento corporal claramente perceptível e/ou inferido por intermédio de instrumentos. Devemos levar em conta, ainda, que os conceitos de comportamento movimento podem ser considerados distintos e representativosde uma ação motora manifesta, quando se convertem em gestos só então podemos acrescentar palavra “expressivo aos gestos de comportamento e movimento” pg. 95 parag.3

Evolução da dança como expressão/comunicação e seu sentido educacional
“A aparição de Isadora Duncan (1878-1927) no panorama americano e mundial proporcionou, no inicio do século XX, grandes mudanças nas atitudes e praticas dadança. Ducan, considerada criadora da Dança Moderna, tinha como conceito básico de movimento a dança voltada para uma reação natural, biológica, do homem dando expansão às suas emoções e ou à sua “alma”: “uma dança que fosse pelos movimentos do corpo, a expressão divina do espírito humano (...) do ritmo de qualquer melodia invisível” (Ducan, 1969:59,61). Ducan propôs que os movimentos corporais...
tracking img