Expressoes

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (286 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O Método do Estudo de Casos Múltiplos

A utilização de casos múltiplos permite o observação de evidências em diferentes contextos, pela replicação do fenómeno, semnecessariamente se considerar a lógica de amostragem (YIN, 1989).O tipo proposto de pesquisa (qualitativa) é adequado a situações em que se deseja construir teorias, enquanto os métodosquantitativos se adequam ao processo de teste de teorias. Bonoma (1985) destaca que quando o objetivo é construir teorias, as evidências qualitativas permitem compreender mais profundamenteo fenómeno, dentro do seu próprio contexto. Yin (op.cit .) destaca que questões do tipo “como” e “por que” apresentam natureza mais explanatória, não podendo ser tratadas simplesmentepor dados quantitativos, enquanto questões do tipo “quem”, “o que”, e “onde” têm melhor tratamento com dados quantitativos. Yin (op.cit.) destaca que o estudo de caso é um métodopotencial de pesquisa quando se deseja entender um fenómeno social complexo, pressupõe um maior nível de detalhamento das relações entre os indivíduos e as organizações, bem como dosintercâmbios que se processam com o meio ambiente nos quais estão inseridos. O foco temporal é outro elemento decisivo para a escolha do método. Yin (op.cit.) destaca o método de casoscomo o mais adequado ao estudo de eventos contemporâneos, e neste caso mais poderoso que a análise histórica. Pettigrew (1985 apud LAZZARINI, 1997)
destaca que novas linhas depesquisa em ciências sociais têm procurado abordar aspectos gerais do problema em estudo, o que, por si só, exige uma abordagem mais contextual. Lazzarini (op.cit.) acrescenta que o estudode caso é particularmente útil neste tipo de enfoque, pois o objetivo é contextualizar e aprofundar o estudo do problema, sem buscar determinar a incidência do fenómeno no seu universo.
tracking img