EXPECTATIVAS

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 102 (25460 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de outubro de 2014
Ler documento completo
Amostra do texto
SUMRIO TOC o 1-1 h z t Ttulo 21Ttulo 31Ttulo 41Ttulo 51Ttulo 61Titulo Apndice e Anexo1 HYPERLINK l _Toc172266842 1 INTRODUO PAGEREF _Toc172266842 h 3 HYPERLINK l _Toc172266843 2 DESENVOLVIMENTO PAGEREF _Toc172266843 h 4 3 CONCLUSO...........................................................................................................6 INTRODUO Com base no texto Ordem Imprudentea palavra segurana no foi colocada em prtica pelo encarregado da obra, que no devia ter mandado o funcionrio realizar uma atividade que no era a de sua de origem, com essa atitude totalmente imprudente colocou a vida do empregado em risco. Faltou o uso das Normas Regulamentadoras NRS que foram institudas com o objetivo de regulamentar os ambientes de trabalho. Atualmente existem 35 normasregulamentadoras. Cabe lembrar que todas as empresas devem implantar as referidas normas e que o rgo responsvel pela fiscalizao das normas o Ministrio do Trabalho e Emprego. TECNOLOGIA EM SEGURANA DO TRABALHO dESENVOLVIMENTO Uma obra em execuo um dos seus funcionrios foi chamado pelo seu encarregado de obra para substituir um colega de trabalho que vinha faltando no trabalho, o empregado saiu de suafuno e veio a ocupar uma nova atividade sem conhecimento e sem o devido treinamento do servio que iria executar foi cumprir uma ordem sendo que o mesmo no conhecia os risco que corria e tambm no recebeu treinamento para o devido material que iria trabalhar exercendo a sua nova funo foi detonar uma rocha em uma escavao para instalar se um poste. Sem nenhum preparo tcnico para exercer a funo a qualfoi designado uma obra em execuo o empregado no usava os equipamentos de proteo individual nem o de proteo coletiva, sem nenhuma precauo com a integridade fsica do trabalhador, podendo e devendo prever o acidente que poderia ser fatal, deram-lhe a imprudente ordem. Naquele dia o responsvel pelos explosivos nem se quer estava na regio. A vtima entrou no buraco, ficando com o corpo todo dentro delee comeou a socar a mistura explosiva no furo da rocha. Isso tudo aconteceu em 03 de maro de 1.982, ocorreu uma grande exploso. A vtima, no tinha conhecimento desse tipo de atividade, no tinha treinamento adequado, e nem foi informada sobre os riscos ou sobre o produto que iria manipular. Basta pelo menos um treinamento correto, com ferramentas corretas e EPI/C adequados para se evitar qualquertipo de acidente de trabalho. Com base nas normas regulamentadoras, NR 10, NR 19, um tecnlogo de segurana pode evitar exploses ou acidentes de trabalho prevenindo ou/e instruindo os trabalhadores a usar EPIS instruindo a empresa a adotar um treinamento para quem ir realizar funo instruindo a empresa a sinalizar a rea onde ir ocorrer algum tipo de exploso efetuar vistorias rotineiras nos locaisonde se acontece o mesmo. Caso ocorra uma exploso, e algum trabalhador seja prejudicado, o encarregado pode ser um dos responsveis, pois se o trabalhador no tiver um treinamento apropriado, e no ser o contratado para este tipo de funo (exploses), tanto a empresa quando o encarregado sero responsabilizado. Pois responsabilidade do encarregado liberar ou proibir qualquer trabalhador que no sejacorretamente treinado para tal funo. No caso do artigo ORDEM IMPRUDENTE, no aconteceu uma comunicao clara perante encarregado e trabalhador, pois, apenas foi passado para o trabalhador o que ele deveria fazer, mas no a forma correta de como realizar tal tarefa. O que tal fato acabou ocasionando no s em um dano fsico como tambm em um dano psicolgico ao trabalhador, pois o mesmo acabou perdendomembros de seu corpo. A empresa violou princpios ticos e morais do trabalhador, pois, a mesma o colocou em uma funo que no era entendida pelo trabalhador. 3. CONCLUSO Conclumos com isso tudo que se voc vai executar um trabalho por menor que ele seja voc deve observar as normas regulamentadoras, para evitar imprudncias que podem ocasionar acidentes muitas vezes at fatais. Analisamos ento o texto ORDEM...
tracking img