Exodontia de dentes inclusos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2062 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Exodontias de Dentes Inclusos

Nomenclatura: impactado / retido / incluso

• Dente incluso: dente que passada a sua cronologia normal de erupção não erupciona e fica retido entre os tecidos.
Um dente incluso pode estar parcialmente ou totalmente incluso.

• Dente impactado: dente não conseguiu erupcionar por obstrução mecânica.
Ex: 3º molar impactado no 2º molar.


A referênciapara saber se um dente era pra estar erupcionado ou não é a FASE DE FORMAÇÃO RADICULAR. Quando o dente completa 2/3 da formação radicular ele já deveria ter erupcionado.

ETIOLOGIA – Dente Incluso:

1) Obstáculos mecânicos:
Ex: Mesiodens, Odontomas, supranumerário (dente sem forma anatômica de um dente) e extranumerário (dente com forma anatômica de dente).

A situação nesses casos deveser acompanhada para não tornar o caso muito complexo. O ideal é que simplesmente a retirada do obstáculo seja suficiente para trazer o dente ao local.


2) Síndromes congênitas


3) Falta de espaço para erupção (principal etiologia)

- Discrepância dento-alveolar: É a somatória da distância Mésio-Distais dos dentes do arco.

- Miscigenação: por conta da mistura de raças, oindivíduo as vezes herda dentes com tamanho incompatível com o da mandíbula ou maxila, por exemplo.

- Perda precoce do dente decíduo: o dente decíduo tem a função de preservar o espaço que será ocupado pelo dente permanente. Quando ele é perdido antes disso, os dentes vizinhos deslocam-se na direção Mesial para fechar este espaço, o que impede a erupção do permanente.

- Seqüência de erupção dental:determina que os últimos dentes a erupcionar são os que mais sofrem pela falta de espaço e por isso, ficam inclusos (3º molares – 80%). Quando há muito problema com espaço, atinge também os caninos superiores (12%) e os pré-molares inferiores (8%).

CLASSIFICAÇÃO GERAL

* SEMI-INCLUSO: dente que fez a sua erupção parcialmente. Parte do dente (às vezes uma cúspide) é visível por inspeçãodireta na boca.

* Inclusão mucosa: está abaixo da mucosa. Não dá pra ver na boca. A porção superior/inferior está recoberta só por mucosa. Visualiza-se por RX.

* Inclusão óssea: dente está totalmente dentro do osso. Vê-se por RX.

Classificação de Pell Gregory – 3º Molar INFERIOR

a) Relação do dente incluso com o espaço entre o ramo mandibular e o 2ºM inferior:
Ou seja, se existe ou nãoespaço para erupcionar.

* Classe I: é quando o espaço entre o ramo mandibular e a distal do 2º M inferior é igual ou maior que a distancia mesio-distal da coroa do 3º M inferior. A coroa do 3º MI cabe neste espaço, ou seja, há espaço para ele erupcionar.

* Classe II: a distância entre o ramo mandibular e a distal do 2º MI é menor que a distancia mesio-distal da coroa do 3º MI. Ou seja, acoroa não cabe no espaço existente, portanto a falta de espaço provavelmente é a etiologia da não erupção do dente.
Inclui a maioria dos casos.

* Classe III: não existe espaço entre o ramo mandibular e a coroa do 3º MI. O dente está incluído no ramo mandibular. Ocorre porque a discrepância é muito grande.
É comum em pacientes que passaram pela ortodontia e não restou espaço algum.

b)Relação de Profundidade do Dente Incluso com o Plano Oclusal:


*Posição A: é aquela que sua porção mais superior está acima da oclusal do 2º molar inferior;
É o semi-incluso (exceto se for classe III).

*Posição B: é aquela que sua porção mais superior está entre a cervical e a oclusal do 2º molar inferior.
Pode ser inclusão mucosa ou óssea.

*Posição C: é aquela que sua porção mais superiorestá abaixo da cervical do 2º molar inferior.
Está em inclusão óssea.

[pic]


c) Angulação do Dente Incluso em Relação ao Longo Eixo do 2º MI:
Ou seja, posição espacial tridimensional.

- Vertical: posição correta estão parelelos.
- Horizontal: dente deitado
- Mesioangular
- Distoangular
- Vestíbuloangular
- Linguoangular
- Invertido: raiz para cima, coroa para baixo.
-...
tracking img