Exercicios de imagen

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3040 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Princípios físicos
1. Em que se baseiam os princípios da RM?
R: A ressonância magnética refere-se ao uso de campos magnéticos e ondas de rádio para obtenção de uma imagem

2. O que caracteriza os núcleos ativos?
R: Os núcleos ativos se caracterizam por sua tendência a alinhar seu eixo de rotação a um campo magnético aplicado

3. O que é movimento angular? Descreva como ele se transforma emum sinal.
R: É o movimento de rotação de um corpo, diferente de zero, para que ocorra o fenômeno de ressonância. Para se transformar em um sinal é necessário aplicar uma onda de radio freqüência

4. Por que o H+ é o núcleo ativo na RM?
R: Porque contem apenas um próton, abundante no corpo humano apresenta momento magnético grande, o núcleo de hidrogênio contém um próton com carga positiva queefetua uma rotação, o núcleo de hidrogênio tem um campo magnético induzido a sua volta e age como um magneto.

5. Descreva o processo de alinhamento do H+.
R: Na presença de um forte campo magnético estático externo, os momentos magnéticos do H+ se alinham a este campo magnético.

6. Descreva o processo da ressonância do H+.
R: Cada núcleo de H+ que constitui o VME está girando sobre seueixo. A influência de B0 produz uma rotação adicional ou oscilação do VME em torno B0.

7. O que é a Equação de Larmor? Explique cada termo.
R: É a freqüência de precessão, a freqüência é proporcional ao campo magnético ( = ( x B0
( = Freqüência precessional,
( = Razão giromagnética
B0 = Potência do campo magnético estático

8. O que é RM?
R: A ressonância magnética refere-se ao uso decampos magnéticos e ondas de rádio para obtenção de uma imagem. A ressonância é um fenômeno que ocorre quando um núcleo é exposto a uma perturbação oscilatória que tem uma freqüência próxima de sua própria freqüência natural de oscilação. Esse núcleo ganha energia da força externa e entra em ressonância. A ressonância não ocorre se a energia é aplicada a uma freqüência diferente da freqüência deLarmor do núcleo.

9. O que é ângulo de inclinação?
R: É o ângulo segundo o qual o VME sai do alinhamento. A magnitude deste ângulo depende da amplitude e duração do pulso de RF.

10. O que é fase? Como os H+ entram em fase?
R: é a posição de cada momento magnético na trajetória precessional em torno de B0.

11. O que é sinal? Como o sinal é gerado na RM?
R: o sinal é produzido quandouma magnetização em fase passa pela bobina.

12. Defina contraste, contraste T1, contraste T2 e contraste DP.
R: O contraste nas imagens se baseia na diferença de intensidade do sinal em áreas de estrutura ou composição diferentes. Uma imagem tem contraste quando apresenta áreas de sinal intenso, áreas de sinal intermediário e áreas de sinal fraco. Contraste T1 – o tempo T1 do tecido adiposo écurto, e o da água é longo. Contraste T2 - o tempo T1 do tecido adiposo é longo, e o da água é curto. Contraste PD – TR longo e TE curto

13. Explique o DLI.
R: Ao retirar-se o pulso RF, o VME passa novamente a sofrer a influência de B0 e tenta realinhar-se com este. O VME perde a energia que lhe foi dada pelo pulso RF (relaxamento). Quando diminui o grau de magnetização transversa, o mesmo sedá com a magnitude da voltagem induzida no fio receptor. A indução no sinal reduzido é denominada sinal de declínio da indução livre (DIL).


14. Explique relaxamento.
R: Durante o relaxamento, o VME libera a energia RF absorvida e retorna a B0. Os momentos magnéticos do VME perdem magnetização transversa devido ao efeito da defasagem. Tem-se a recuperação da magnetização longitudinal. Tem-seo declínio da magnetização transversa

15. Explique a recuperação T1 e o declínio T2.
R: Recuperação T1: É causada pelos núcleos liberando sua energia no ambiente. A energia liberada no retículo circundante faz com que os núcleos recuperem sua magnetização longitudinal. A razão de recuperação é um processo exponencial, com tempo de recuperação constante denominado T1.
Declínio T2: É causado...
tracking img