Exercicio ii sandro sell

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1664 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Exercício II


1) Qual a função dos estereótipos Para a sociedade?

R: Estereótipo trata- se de uma antevisão que acautelará nossa conduta. Não permite os detalhes, mais permitem antever as possibilidades, em suma os estereótipos permitem a organização da vida cotidiana; quando falham em suas previsões, no entanto, deixam- nos desorientados.

2) Para Durkheim, o que são fatos sociais?R: Para Durkheim, os fatos sociais são formas de comportamento pré-determinadas pela sociedade, e cujo descumprimento traz alguma espécie de punição, são maneiras de ser, de pensar, de agir e de sentir que se originam na sociedade, embora o individuo possa entender ser ele próprio o autor.

3) Explique o efeito halo.

R: O efeito halo é definido como o modo que uma pessoa julga a outra pela suaamabilidade, sociabilidade ou aparência.
Como cita no livro um exemplo é que pesquisas revelam que pessoas acima do peso são mais discriminadas na hora da contratação ou promoção no emprego. Estar em sintonia com o padrão estético social significa ser mais positivamente avaliado, inclusive em aspectos não associados á beleza. É como se as pessoas belas estivessem envolta em uma espécie de auracapaz de esconder seus defeitos e de destacar suas qualidades.


4) Você é capaz de sentir os efeitos da consciência coletiva sobre você? Explique.

R: Sim, Devido à socialização, tendemos a valorizar as mesmas coisas que a maioria das outras pessoas valoriza. Os poucos que manifestam desejos e atitudes destoantes serão submetidos à punição proporcionais ao grau em que ofendem a consciênciacoletiva.

5) Aponte duas diferenças entre o controle social feito por intermédio das leis e o controle social feito por meio da religião.

R: Se tratando de controle social feito por intermédio das leis, entende que em geral as leis não se ocupam das condutas permitidas, as leis estatais são os limites básicos da sociedade, como por exemplo: não roubar, não matar, não caluniar e etc...Se alguém não faz o que a lei obriga ou faz o que a lei proíbe, poderá a vir a ter seus bens, sua liberdade ou em determinados países, sua vida eliminada, sob os auspícios de algum tribunal. O individuo não precisa acreditar que as leis de seu país estejam certas, não precisa sequer considera=lãs boas: precisa apenas a elas submeter.
A religião de como mecanismo de controle social solicita adesãovoluntaria do individuou, ás suas regras. Por isso são tão comuns as cerimônias de conversão religiosa. As conversões mantêm o individuo motivado para cumprir as regras que lhes são prescritas. Sem tal motivação, a religião pouco se diferencia dos demais meios de controle social, a não ser pelo fato de sua menos eficácia, já que a maior parte de suas sanções só assusta aqueles que de fato nelacrêem.

6)De acordo com o texto, é possível concordar que os mecanismos de controle social apresentam aspectos apenas negativos? Explique.

R: Não de acordo com o texto há podemos perceber que não representam apenas aspectos negativos, os mecanismos de controle social apresentam também aspetos positivos, pois são a partir deste que evitamos a desordem, não podemos deixar que os indivíduos façamtudo que vier em sua abeca, com o controle social evitamos um pais turbulento e com desordem.
As leis e religiões estão na sociedade com muita importância para o desenvolvimento do país, mesmo que alguns indivíduos não as cumpram, ai para isso existe a punição.

7) Dê um exemplo de alienação.

R: Hoje ser alienado é está alheio dos acontecimentos sociais, é não compreendê-los, é não atuarsobre eles. Um intelectual ao desprezar o conhecimento popular pode está alienado, uma vez que ao se fechar em seu mundo, acaba não se reconhecendo como parte do todo. Geralmente o adjetivo de alienado está ligado à população desprovida de conhecimentos científicos e filosóficos, uma vez que limitados as “lentes” da religiosidade e/ou do senso comum acabam ficando alheios (alienus) dos fenômenos...
tracking img